Previous
Next
Previous
Next

EMPODERAMENTO E INCLUSÃO

Um encontro virtual com poder público, setor privado e organizações nacionais e internacionais para promover mais oportunidades de emprego para jovens negras e negros universitários. Estar presente é mais do que apenas comparecer a um lugar. Aqui, defendemos que a juventude negra tenha um papel de destaque e com voz ativa dentro das empresas.

CONTEÚDOS

PROGRAMAÇÃO

Painéis de debate com grandes empresas, oficinas com dicas de consultorias de recrutamento e seleção e muitos outros conteúdos incríveis. A programação dos conteúdos Sociedade em Debate, Mercado em Debate e Carreira em Debate acontecerão simultaneamente durante os três dias de evento (31/09, 01/10 e 02/10). Clicando em cada data, você poderá visualizar os paineis que estarão acontecendo em cada um dos dias e escolher de quais irá participar.

Em breve você saberá mais sobre cada um dos conteúdos deste encontro virtual. Esta agenda poderá sofrer alterações.

SOCIEDADE EM DEBATE
30 DE SETEMBRO
José Antonio Dias Toffoli
Alberto Bastos Balazeiro
Valdirene Silva de Assis
Paulo Dimas Mascaretti
Elisa Lucas Rodrigues
Rodolfo Sirol 

Equidade racial nas empresas: ações, resultados e desafios.

Moderador: Mariana de Sousa Bispo
Leila Melo
Octavio de Lazari Junior
Daniel Darahem
Vanessa Lobato
Gilson Filkenstein 

Inclusão racial no Ensino Superior: ações, resultados e desafios.

moderadora – Váleria Almeida
Cássia Virgínia Bastos Maciel
Antônio Carlos Malheiros
Edison Simoni

A importância de pesquisas para geração de indicativos confiáveis para nortear prioridades de debates e políticas públicas.

moderador: Ronaldo Lima dos Santos
Jefferson Mariano
Fernanda Lira
Mário Rogério
Caio Magri

Em um mercado altamente competitivo, quando se é negro(a) é preciso muito mais que excelência técnica. Através da trajetória de profissionais reconhecidos no mercado vamos debater os caminhos necessários para que mais negros ocupem espaços de liderança.

moderador:  Luiz Fara Monteiro
Wellington Donizeti Silvério
Maurício Rodrigues
Gilberto de Lima Costa Junior

Não basta não ser racista, é preciso ser antirracista. Essa afirmação também é valida para que mais profissionais negros permaneçam e se desenvolvam nas empresas. Entender os caminhos para essa mudança é o objetivo dessa conversa.

moderador: Maria Carolina Trevisan
Paulo Barauna
Heloise da Costa
Beatriz Sans
Benilda 

Violência física, mental e patrimonial. Nem só de violência policial sofre o povo negro. O racismo provoca adoecimento mental, menos efetividade em atendimentos médicos e menos chance de progresso na carreira. Essa conversa gira em torno da importância de desmantelar essa tríade que insiste em manter o povo negro em lugar subalterno.

Moderador: Rafael Dias Marques
Silvana da Silva 
Maria Zelma de Araújo Madeira
Pedro Borges
André Luiz Nicolitt

Conheça os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS) propostos pela ONU e como o trabalho para alcança-los passa necessariamente pela melhoria de qualidade de vida da população negra.

(moderador) Carlo Pereira
Sheila Carvalho
Amanda Da Cruz Costa
Diretor Marcos Valério de Araújo.

Coca-Cola, Globo e WMcCann apresentam o projeto: “Juntos a Magia Acontece”, que trouxe pela 1ª vez um papai noel negro, com elenco majoritariamente formado por atores negros e escrito pela jovem negra Cleissa Martins, revelada durante o Laboratório de Narrativas Negras para o Audiovisual, realizado entre Globo e a FLUP. Vamos juntos ouvir uma grande agência de publicidade, uma multinacional, que atua no Brasil, uma das maiores emissoras de TV do País, e a atriz Camila Pitanga, sobre a importância da representatividade, equidade racial, e legitimidade.

(moderador) Marcio Borges
Camila Pitanga
Ana Marina Abrantes
Beatriz Azeredo
 Cleissa Regina Martins
01 DE OUTUBRO

Equidade racial nas empresas: ações, resultados e desafios.

(moderador) Cloris Akonteh
Eduardo Lacerda
Luciana Paganato
Daniel Arouca

Permanência e pós-permanência de jovens negras e negros no ensino superior.

(moderador)  Silvia Virginia S. Souza
Dácio Roberto Matheus
Manuel N. Furriela
José Vicente

Resistir para avançar. Conheça alguns dos principais movimentos antiracistas no Brasil e saiba como eles se articualm para exigir mudanças na qualidade de vida da população negra.

Mediador: Márcio Black
Margareth Ferreira
Maria Sylvia Aparecida de Oliveira
Frei David
Angela Guimarães

Equidade racial nas empresas: ações, resultados e desafios.

(moderador): Salcy Lima
Eduardo Santos
Leandro Camilo

Pode a imagem ser portadora de signos e valores? Afirmar a beleza negra, sempre conjugada no plural, assegura reconhecimento e autoestima, bem como o questionar da ótica racista e possibilidades de beleza conjugada no singular.

Moderador: Carol Anchieta
Ana Paula Xongani
Carol Barreto
Lucas Silvestre
Roger Cipó
Gabi Oliveira

Ainda é grande o abismo que separa mulheres negras de outras camadas da sociedade no acesso a serviços básicos e oportunidades no Brasil mesmo essa mulher sendo o arrimo onde essa sociedade se apoia. Vamos conversar sobre o que é preciso para empoderar mulheres negras como tomadoras de
decisão, de modo que elas deixem de ocupar apenas o campo de beneficiárias de políticas públicas e ocupem também o campo da articulação.

Moderadora: Elisa Lucas Rodrigues
Alessandra Benedito
Valdecir Nascimento
Katiúcha Watuze
Lívia Maria Santana e Sant’Anna Vaz
Dayana Pinto

A incompreensão do que sejam as políticas de ação afirmativa criam percepções inadequadas acerca de sua aplicação. Vamos conversar sobre os mitos e verdades dessa ação que visa corrigir e atenuar a desigualdade e promover mais equalização social.

(moderador) Mauricio Pestana 
Jose Jorge de Carvalho
Elisabete Aparecida Pinto
Adriane Reis de Araújo
Prof. Helio Santos

Por muitas vezes o não conhecimento específico do funcionamento do mercado, e a falta de acesso a profissionais que já estão com carreiras consolidadas na indústria dificultam o ingresso de profissionais negros em diversas áreas. O famoso QI – Quem Indica é uma das formas que muitas pessoas conseguem colocação em suas áreas, e criar redes de relacionamento é fundamental para se utilizar dessa estratégia. Nós reunimos representantes e profissionais oriundos de projetos que focam na educação e aprendizado através da conexão com pessoas que já estão no mercado e trazem essa capacitação para a comunidade negra que busca oportunidades em suas áreas de atuação.

moderador: Felipe Silva 
Jorge Lucas 
Camila Novaes
Christiane Pinto
Jonathan Haagensen 
02 DE OUTUBRO

Equidade racial nas empresas: ações, resultados e desafios.

Moderadora: Wânia Santana
Marc Reichardt
Paulo Herrmann
Manfredo Rübens
Javier Constante

O esporte, especialmente o futebol, é um espaço de atuação profissional de muitos jovens negros e negras. Contudo, quais as funções que esses profissionais desempenham, especialmente quando tratamos de postos de mando e gestão. Como combater o racismo no futebol? Esse é o debate que Serjão Loroza, Mart’nalia, Lica Oliveria e Mombaça terão, com a mediação da CBF.

Sergio Loroza
Martinalia
Diogo Cristiano Netto
Mombaça
Mário Lúcio Duarte Costa (Aranha)
Lica Oliveira

Como os movimentos internacionais atuam como propulsores para amplificar o debate sobre racismo e pressiona entidades e empresas a se comprometerem com a evolução estrutural.

(moderador): Maristela Baioni
Thais Dumet Faria 
Luana Silva
Gláucia Terreo

A intersecção entre raça e gênero, compreendida na perspectiva das expressões/identidades de gênero e orientação sexual. A necessidade da realização da inclusão ampla e efetiva de todas as pessoas, no mundo do trabalho.

Mediador:
Eduardo Varandas Araruna
Caco
Pedro Cruz
Thiffany Odara
Theo Brandom

Equidade racial nas empresas: ações, resultados e desafios.

Moderador:   Ana Carolina Diniz
Ricardo Pedreti
Maria Antonietta Russo
Ricardo Garcia

O Ministério Público do Trabalho, em parceria com a Caritas Brasileira e apoio do Somamos-INFI/Febraban, do Pacto Global e Onu Mulheres falarão da iniciativa Conexão Negra, capacitação para jovens negras e negros universitários, nas áreas jurídica, publicitária e empresarial. A primeira etapa do Conexão Negra ocorreu em Salvador, com a participação do Ilê Ayê. A iniciativa privada colabora por meio de uma rede de empregabilidade. Nesta mesa, o e-Conexão Negra será apresentado, com a abertua oficial das inscrições, que contemplarão jovens negras e negros de São Paulo/SP, Campinas e Região/SP, Rio de Janeiro/RJ e Belo Horiozonte/MG. Haverá, também, a cerimonia de entrega dos diplomas dos alunos do módulo empresarial do Conexão Negra-Etapa Salvador, realizado em parceria com o Somamos-INFI/Febraban.

Valdirene Assis
Andréa Perotti 
Adalgisa Bozi Soares
Rogério Cunha
Amaury Oliva
Henrique José Szapiro
Maria Luisa Passos 
Gilvan Bueno Costa
Tamara Rodrigues Pedro Bomfim 
Mário Luciem Silva Oliveira Junior
Vovô do Ilê

O momento Afro Presença teremos a fala da Coordenação Geral, Coordenação Executiva, Coordenação Acadêmica e da Comissão de Empresas de Gestão de Pessoas. Será uma oportunidade para que pessoas que estão realizando o movimento Afro Presença falem de seu surgimento e reflitam sobre os próximos passos.

Valdirene Assis
Marcelo Linguitte
Pedro Aguerre
Marcus Vinicius Bomfim
Ana Firmino
Paula Sales
MERCADO EM DEBATE
30 DE SETEMBRO

Como os negros podem criar espaço, fazer a diferença, e virar o jogo do racismo na publicidade no Brasil? CEO’s debatem sobre esses desafios e como contorná-los.

Moderador: Helton Simões Gomes
Eduardo Lorenzi 
David Laloum 
Pedro Reiss
Eduardo Camargo

Representatividade no trabalho importa! Por isso reunimos pessoas negras que fazem a diferença no mercado da publicidade para contar suas histórias e conversar sobre estratégias para uma publicidade antirracista para além do case.

Moderador: Ana Cortat
Paulo Rogério Nunes
Ian Black
Joana Mendes
Felipe Silva 

Que notícia pode ser ampla e ponderada se são as mesmas pessoas definindo quais histórias serão contadas e de que forma? Que opinião é formada no país, quando 90% dos colunistas dos grandes jornais são brancos? Que jornalismo serve aos negros, e o que precisamos transformar para atingi-lo?

Moderador: Larissa Mantovan
Fernanda Luiza Duarte
Lara Lages
Marina Filippe
Cecília Olliveira

As escolhas feita pelo marketing pode reforçar hábitos, trazer novidades e até ajudar a combater o racismo. Como a entrada de pessoas negras nessa área pode ajudar a relfetir melhor o desejo do consumidor?

Moderador: Samuel Gomes
Ana Carolina Valentim Candido
Debora Mattos
Carlos Domingues
Kelen Lima
Helena Bertho 

Como a presença de pessoas negras em posição de destaque nos palcos pode ajudar no empoderamento e representatividade do povo negro?

Moderador: Isis Vergilio
Vaneza Oliveira
Israel de França
Cyda Baú

A sociedade está acostumada a verem negros como destaque em esporte, mas que diferença tem quando eles passam de atletas a profissionais na área? Porque é importante a presença de negros na parte administrativa do esporte?

Moderador: Karine Alves
Aira Bonfim
Mauro Silva em Limeira

O desafio de encarar e combater um padrão geopolítico eurocêntrico, que considere o negro para além da África, e a África para além do assistencialismo, pode ser equilibrado com a inserção num mercado de trabalho conservador e pouco aberto a novas formas de ver e fazer. Como o negro nas relações internacionais pode promover mudanças de paradigmas?

Moderador: Karine de Souza Silva
Ísis Higino Silva
Silvio Albuquerque
César Santos

Quem deseja entender as dinâmicas de raça no Brasil precisa olhar para a Economia. E o que enegrecer a economia muda no pensamento econômico?

Moderador: Bia Santos
Gilvan Bueno 
Itaiguara Bezerra
Michael França
Sergio Gaspar

O que a inserção de pessoas negras no mercado farmacêutico pode apoiar na forma como a saúde dessa população é encarada?

Mediador: Luís Fausto Dias de Valois Santos
Marcelo Santos
Lilene Ruy
Suellen Rodrigues

Negro e cientista. Como a área de ciências vem sendo transformada na academia pela entrada de pessoas negras.

Moderador:   Profa. Lina Maria Moreira Garai da Silva
Rita de Cassia dos Anjos 
Katemari Rosa
 Claudio Fernando André
Ana Carolina da Hora
01 DE OUTUBRO

Como os negros podem criar espaço, fazer a diferença, e virar o jogo do racismo no judiciário brasileiro? Os grandes escriórios de advocacia debatem sobre os desafios da área e como contorná-los.

Moderador: Mylene Pereira Ramos
Fernanda Diniz
Roberto Quiroga
Otávio Pinto Silva
Carlos José S. Silva “Cajé”

Representatividade no trabalho importa! Por isso reunimos pessoas negras que fazem a diferença no mercado jurídico para contar suas histórias e conversar sobre estratégias para judiciário antirracista.

Moderador: Theo Van Der Loo
Robson de Oliveira
Valdirene Falcão
Marco Antonio Delfino de Almeida
Humberto Adami Santos Junior

A inserção de negros e negras no mercado de turismo é capaz de ajudar a descolonizar nosso olhar eurocentrado expandido o potencial do turismo? Qual o impacto na sensação de pertencimento quando pessoas negras viajam e conduzem viajantes? Para além da diversão, o mercado de turismo tem potencial de empoderamento.

Moderador: Guilherme Soares Dias
Newton Gomes
Hubber Clemente
Salmah Menelik

Como é o mercado para escritores negros e negras? Como podemos ampliar o espaço na literatura aos profissionais jovens negras e negros que nele tem interesse? Este debate será travado neste espaço, por potententes vozes!

Moderador: Maria Amália Cursino
Ricardo Terto
Maria Sylvia Aparecida de Oliveira
Ivair Augusto Alves dos Santos
Ângelo Flávio Santos
Iêda Leal

Qual é o impacto na visão da sociedade sobre o negro quando ele sai oe espaço de trabalhador da cozinha para o chef de cozinha? E para além da alimentação, como a comida ajuda na valorização da cultura negra?

Moderador: Alê Garcia
Aline Chermoula
João Diamante – apelido de João Augusto Santos Batista
Andressa Cabral

Como o negro como consumidor de mercado de luxo exige outras narraivas nas passarelas, lojas e restaurantes? Como a industria de luxo deve se transformar para abraçar esses novos consumidores?

Moderador Daniela Falcão
Max Marion
Isaac Silva
Carlos Ferreirinha
André de A Falcão Maranhão
Gustavo Tenório Accioly

O que medicamentos e vacinas, pesticidas e defensivos agrícolas, cosméticos e tantos outros produtos alto grau de pureza ganham quando pessoas negras trazem para a industria a visão da diversidade?

Moderadora: Sandra Lia Simon
Michelle Siqueira
Elaine Santana
Flavio Bechir
Allan Picoli 
Thays dos Santos

Conteúdo com diversidade além da cota e dos estereótipos é possível? Os grandes veículos de comunicação debatem como isso pode ser feito.

A ausência de desenvolvedores negros permite a geração de algoritmos e programas racistas. Produtos pensados por pessoas brancas resultam no reforço ao pensamento branco, o corpo branco, a voz branca etc. Como criar estratégias para geração de mais oportunidades e capacitação para negros no mercado da tecnologia?

Moderador:  Luís Fabiano de Assis
Fabio de Moraes Rocha
Denis Tassitano
Marcelo Leal
Junior Rocha
Nina da Hora – Ana Carolina
02 DE OUTUBRO

Como os negros podem criar espaço, fazer a diferença, e melhorar a saúde da população? Os grandes grupos de saúde debatem sobre os desafios da área e como contorná-los.

Moderadora : Monalisa Nunes
Edvaldo Vieira
Dra. Dulce

Representatividade no trabalho importa! Por isso reunimos pessoas negras que fazem a diferença na área da saúde para contar suas histórias e conversar sobre estratégias para medicina antirracista.

Lucas Veiga
Larissa Cassiano
Dra. Marimilia Pitta

As grandes consultorias, cujo trabalho é descobrir o que se passa dentro das empresas, já descobriram que organizações com alto índice de diversidade e inclusão têm funcionários três vezes mais dispostos a inovar, e conseguem representar ganhos e motivação no seu cotidiano. Como a entrada de profissionais negros dentro dessas empresas podem ampliar os campos de análise e fortalecer a luta antirracista?

Eduardo Alves
Rafael Santos
Patricia Molino

Qual é o impacto na visão da sociedade sobre o negro quando ele sai do espaço de pedreiro para o de engenheiro? O que ganha o mercado de contrução quando essas pessoas lideram grandes empreendimentos?

Priscila Nunes
Brunna Souza

Para quem são pensadas as casas que habitamos e os bairros que a gente mora? Para quais núcleos familiares? Quais as cores, os elementos culturais e as referências que embasam a arquitetura e o urbanismo? O que acontece quando racializamos esse campo de atuação no Brasil?

Moderadora: Joice Berth
Gabriela de Matos
Audrey Carolini
Gabriela Leandro Pereira
Caio Bruno Carvalho

O que um dos maiores mercado de atuação do Brasil tem a oferecer para negros e como essas pessoas podem ajudar a transformar essa indústria?

Moderadora: Ana Lucia Stumpf Gonzalez

A inserção das pessoas negras no mercado de trabalho é um caminho duro, que fica ainda mais complexo para pessoas negras com deficiência – que precisam driblar o duplo estigma na hora de procurar emprego. Da mesma forma que a população negra é maioria no país, representando 54% da população, a população negra é a maior entre as pessoas com deficiência. Uma intersecção que, pela Lei, deveria garantir mais oportunidades. Mas, na prática, a sombra do desemprego pode virar rapidamente a sombra do desespero: só 1% das 45 milhões de pessoas com deficiência no Brasil têm emprego com carteira assinada. Como podemos mudar a imagem da pessoa com deficiência no Brasil e combater o capacitismo e o racismo?

Moderadora Maria Aparecida Gurgel
Carolina Ignarra
Dinacleia Galdino
Simone Nascimento
Rosana Queiroz

O IBGE revela que 82,6% dos negros afirmam que a cor da pele influencia nas oportunidades de trabalho. Qual o papel do RH na promoção da inclusão dentro das empresas e na luta por uma racialização da formação de gerir pessoas?

Leila Luz
Haroldo Nascimento
Ane Farias
Aline Felix Alves

Qual o papel dos filósifos e historiadores negros na mudança do olhar do brasileiro sobre si mesmo? Qual campo de atuação o país oferece para esses profissionais?

Moderadora: Cris Guterres
Katiúscia Ribeiro
Giovanna Heliodoro
Saloma Salomão
CARREIRA EM DEBATE
30 DE SETEMBRO

Conhecer a si mesmo é um processo que pode durar a vida inteira, mas investir no autoconhecimento pode ajudar muito na escolha da profissão que é a sua cara. Saber sobre si também permite que você se destaque nos processos seletivos e tenha o match perfeito com empresas compatíveis com o seu perfil. Quer aprender como usar esse conhecimento a seu favor? A 99jobs, Eureca e CIEE estão aqui pra te contar!

Bruna Seibert
Júlia Gomes
Diana Camara

Já deixou de contar sobre uma experiência não-formal em uma entrevista de emprego, porque sentia que ela era “menos valorizada”? Já sentiu que não tinha pontos relevantes para contar em um processo seletivo ou para colocar no currículo? Então, esse conteúdo é para você: experiências e habilidades adquiridos de formas não-tradicionais são igualmente válidos! Venha entender mais sobre como usar experiências pessoais como ferramenta com a Empodera e a 99jobs.


Leizer Pereira
Du Migliano

O mundo do trabalho está em constante mudança, é normal que o perfil do profissional também altere com o passar do tempo. São tantas transformações e inovações tecnológicas que quem não acompanha tudo isso na mesma velocidade acaba ficando para trás. Confira com a Empodera, Cia de Talentos e CIEE o que você pode fazer para manter-se atualizado e aproveitar o seu potencial para ser uma profissional do futuro.

Leizer Pereira
Aline Mariano
Marjorie Damasco

Se destacar na dinâmica de grupo e na entrevista é muito importante, mas para chegar nessas etapas é preciso chamar a atenção dos avaliadores nas fases online. As três plataformas de recrutamento e seleção, 99jobs, Cia de Talentos e Cia de Estágio, se juntaram para te contar como deixar seu currículo brilhando, como ter bom desempenho nos testes online, como se preparar para dinâmica de grupo e entrevistas, e o que fazer na hora do “vamo ver”.

Paula Sales
Tatiane Venâncio
Camila Fernandes

A pandemia afetou o mundo todo, em especial o Brasil, em especial a população negra. Qual realmente é o tamanho desse impacto e o que isso significa para a empregabilidade das pessoas negras? Essa conversa proposta pela Empregueafro visa situar os ouvintes em importantes fatores que estão afetando suas vidas agora.

Patrícia Santos

Quando tratamos de assuntos sobre racismo, o fato de sermos negros não nos torna especialistas! É importante conhecer e compreender os principais conceitos e contextos sobre a causa racial, sua história e como construir novas possibilidades.
O ABC da Raça reunião de termos e conceitos mais básicos da pauta racial, em que há uma dificuldade comum de serem compreendidos, pois muitas vezes não nos foram apresentados em salas de aula. Através da junção da teoria e exemplos práticos, trazemos à tona questões que ainda são tabu para a discussão sobre raça e racismo no Brasil.

Felipe Oliveira
Aline Nascimento

Em 2022, ano do bicentenário da Independência, teremos um marco institucional da sociedade brasileira importante: a revisão da Lei n° 12.711, chamada Lei de Cotas Raciais. Em uma década, uma geração de estudantes negras e negros ingressa nos espaços universitários e tem formação qualificada, almejando sua inserção no mercado de trabalho. Que avanços e transformações os cotistas e outros estudantes negros beneficiados por políticas públicas vem produzindo na paisagem social do Brasil?

Moderador:
Acácio Sidinei Almeida Santos
Pedro Aguerre
Profa. Dra. Joana Angélica Guimarães da Luz
Pâmela Guimarães-Silva
Claudia Isabele
01 DE OUTUBRO

Sabemos que o mercado de trabalho é um baita desafio e se jogar nesse mar pode ser muito solitário. Mas com uma rede forte, domínio das habilidades mais importantes e um passo a passo de como procurar um trampo você vai se sentir mais confiante para navegar. É sobre como se preparar para essa trajetória que a Empodera, Eureca e CIEE querem falar com você.

Kamily Oliveira
Diana Camara
Leizer Pereira 

A Oficina Mitos e Verdade tem a intenção de esclarecer etapa a etapa de um processo seletivo, desmistificando questões e empoderando os jovens para se sentirem mais seguros e preparados para os momentos de avaliação.

Gabriela Cruvinel
Aline Mariano
Eymi Rocha

Além de autoconhecimento e escolhas conscientes, o processo seletivo exige atenção, dedicação, organização e foco. Nesta oficina vamos falar sobre cada etapa do processo seletivo e como se preparar para ela, tudo recheado com muitas dicas práticas!

Bruna Nascimento
Tatiane Venâncio
Carolina Utimura

Como a rede social pode ajudar a construir autoridade tornando o jovem atraente para o mercado.

Suelen Marcolino

Inspirada na musica Negro Drama dos Racionais Mc´s vamos pensar juntos estratégias de planejamento de carreira para jovens afrodescendentes.

Larissa Amorim Borges

Através dos ideogramas adinkras, vamos possibilitar reflexões para (re)pensar carreiras e os modelos de sociedade a qual estamos/queremos.

George Roque Braga Oliveira

Como negociar seu salário na entrada e depois, fazer um pedido de aumento, como planejar sua carreira em curto, médio e longo prazo e a importância da mentoria para apoio ao desenvolvimento.

Julia Gomes
Leizer Pereira 
Aline Mariano
02 DE OUTUBRO

Reflexões de jovens profissionais e pesquisadores sobre a preparação socioemocional para o mercado de trabalho. Dar atenção à saúde mental, planejamento de carreira e autoconhecimento. Enfoque pessoal dos painelistas nesses processos e narrativas.

Mediador: Ronaldo José de Andrade
Ivani Francisco de Oliveira
Flávia Barbosa
Maíra Vida 
Silvana Valadares

Debates sobre a participação de jovens negras e negros universitários no espaço acadêmico realidade brasileira e possibilidades de conexão desses jovens com outros de universidades estrangeiras.

moderador: Cléber Vieira dos Santos
Wellington Lopes
Anamaíra Spaggiari
Filipe Juliano
Gabriel Da Silva

O ESG é um dos temas que mais tem chamado a atenção das lideranças empresariais. Há anos falamos nas grandes empresas que o objetivo de um negócio não pode e não deve ser somente o crescimento econômico, mas sim construir uma sociedade inclusiva e preservar o meio ambiente.

Liliane Rocha

As consultorias de recrutamento, seleção e treinamentos são responsáveis pelas contratações de jovens para grandes empresas de todo o Brasil. Nesta primeira rodada contaremos com os líderes da Eureca, Cia de Talentos, EmpregueAfro e Cia de Estágios compartilhando pontos de vista, experiências e ações que suas empresas têm feito para que a ascenção da juventude negra se torne realidade no ambiente corporativo.

moderador: Denise Neves Abade

Este encontro, promovido pelo SOMAMOS – REDE DE INCLUSÃO PELA DIVERSIDADE, que tem como pilar essencial a promoção da Educação Financeira, trará especialistas em finanças e jovens investidores para uma troca de experiências sobre escolhas e comportamentos que aceleram ou limitam a realização dos seus sonhos, além de conteúdo sobre investimentos e dicas úteis para conquistar a liberdade financeira. Os participantes terão acesso a uma ferramenta para descobrir seu perfil financeiro.

Andy de Santis 
Renata Batista
Marcos Ferreira
Gilvan Bueno Costa

As consultorias de recrutamento, seleção e treinamentos são responsáveis pelas contratações de jovens para grandes empresas de todo o Brasil. Nesta segunda rodada contaremos com os líderes do CIEE, 99jobs, Empodera e ID_BR compartilhando pontos de vista, experiências e ações que suas empresas têm feito para que a ascensão da juventude negra se torne realidade no ambiente corporativo.

Moderador: Lilene Ruy
Liliane Rocha
Eduardo Migliano
Leizer Pereira
Luana Genot

PAINELISTAS

Veja abaixo os painelistas do Afro Presença.

SOCIEDADE EM DEBATE

adriane reis sociedade

Procuradora Regional do Trabalho da PRT da 2ª Região e Coordenadora da Coordigualdade

Alberto Bastos Balazeiro 1

Alberto Bastos Balazeiro nasceu em Salvador, Bahia. Ingressou na carreira do Ministério Público do Trabalho em 2008. Graduado em Direito pela Universidade Católica do Salvador, possui especialização em direito civil e processo civil com habilitação para docência do ensino superior. Em 2017, concluiu mestrado em Direito pela Universidade Católica de Brasília, apresentando a dissertação “Atuação do Ministério Público do Trabalho no Combate à Corrupção”.

Por dois mandatos consecutivos, de 2013 a 2017, foi procurador-chefe do MPT na Bahia, período no qual foi responsável pela construção do edifício-sede em Salvador e pelas novas sedes do MPT em seis municípios do estado.

Na diretoria da Escola Superior do MP liderou a construção da sede da entidade voltada à capacitação e aperfeiçoamento de membros de todos os ramos do Ministério Público brasileiro.

Ocupou a diretoria de Assuntos Parlamentares da Associação Nacional dos Procuradores do Trabalho (ANPT). Foi ainda vice-coordenador do projeto Alta Tensão, que resultou em ações civis públicas em todo o país combatendo a terceirização ilícita no setor elétrico brasileiro.

Alessandra Benedito 1

Consultora em Estratégias de Inclusão e Gestão das Diversidades nas Organizações. Doutora e Mestre em Direito Político e Econômico, Especialista em Direito Processual Civil pela Universidade Presbiteriana Mackenzie e em Magistério do Ensino Superior pela Pontifícia Universidade Católica de São Paulo (PUC/SP). Coordenadora do Curso de Direito do Mackenzie Campinas- CCT, professora da faculdade Direito graduação e pós graduação e advogada. Pesquisadora- Gênero- Mulher, raça e mercado de trabalho. Membro Efetivo da Comissão da Verdade sobre a Escravidão Negra da OAB/SP. Membro da Rede de Mulheres Brasileiras Líderes pela Sustentabilidade e do Comitê de Mulheres Executivas da Câmera Americana de Comércio de Campinas/SP. Coordenadora do Comitê de Igualdade Racial do Grupo Mulheres do Brasil e da ONU/Mulheres. Coordenadora do Núcleo de Sistemas de Relações de Trabalho da OAB/SP. Membro do Conselho Universitário da UPM. Palestrante. Coordenadora Pedagógica do Projeto Incluir Direito, no Mackenzie Campinas. Professora do Curso de Direito da Fundação Getúlio Vargas. FGV/SP.

Amanda Da Cruz Costa 1

Ecofeminista antirracista atuante em temas globais. Formada em Relações Internacionais, Amanda empreende o PerifaSustentavel, é colunista da Agência Jovem de Notícias e atua como mobilizadora de redes do Youth Climate Leaders (YCL). Entusiasta pela Agenda 2030, tem o objetivo de mobilizar jovens para construírem um Brasil inclusivo, colaborativo e sustentável.
Amanda é ativista pelo movimento negro, justiça climática e desenvolvimento sustentável, através das redes Engajamundo, Global Shapers Community e United People Global.
Possui grande experiência com planejamento de projetos, engajamento de equipes e pesquisa científica, características conquistadas através da liderança de atividades sociais e do seu engajamento em núcleos de pesquisa.
Conhecimento: Mobilização de Redes, Comunicação Não Violenta (CNV) e Aprendizagem Autodirigida.

Anamarina Abrantes 1

É Doutor em Direito pela Universidade Católica Portuguesa-Lisboa (Reconhecido no Brasil Proc. 7074098/2012 PPGD/UNESA), Mestre em Direito pela Universidade do Estado do Rio de Janeiro – UERJ, graduado em Direito pela Universidade Federal Fluminense – UFF. Juiz de Direito do Tribunal de Justiça do Estado do Rio de Janeiro – TJRJ. . Professor Adjunto da Faculdade de Direito da Universidade Federal Fluminense – UFF. Professor Permanente do Programa de Pós-Graduação stricto sensu em Direito da UniFG – Guanambi BA. Autor de Livros e Artigos Jurídicos, dentre os quais: Manual de Processo Penal, 8ª edição, Editora D’Plácido.

Racismo Estrutural - 01.10 das 13h às 14h - Ângela Guimarães

Presidenta da Unegro

Beatriz Sanz 1

A idealizadora do projeto Banco de Talentos Negros foi a jovem jornalista Beatriz Sanz, uma paulista de 27 anos, nascida em Diadema, mas criada na pequena cidade baiana de Malhada. Formada em jornalismo em 2017 pela Universidade São Judas Tadeu, Bia, como é conhecida, é atualmente repórter do UOL, tendo passado antes pelas redações do Portal R7 e do El País Brasil. É também integrante da Comissão de Jornalistas pela Igualdade Racial – Cojira SP, órgão de assessoria da diretoria deste Sindicato.

Caio Magri 1

Graduado em Sociologia pela Universidade de São Paulo (USP), foi gerente de políticas públicas da Fundação Abrinq pelos Direitos da Criança, além de coordenador do Programa de Políticas Públicas para a Juventude da Prefeitura Municipal de Ribeirão Preto (SP). Em 2003 integrou na assessoria especial do ex-presidente da República, Luiz Inácio Lula da Silva, sob a coordenação de Oded Grajew. Atua no Instituto Ethos desde 2004, quando iniciou como assessor de Políticas Públicas. Em 2005, tornou-se gerente executivo de Políticas Públicas, em 2014, diretor executivo e em 2017, foi nomeado diretor-presidente do Instituto Ethos. Participa como membro dos conselhos do Índice de Sustentabilidade Empresarial (ISE), da Transparência Pública e Combate à Corrupção-CGU, do Pró-Ética, do Comitê Brasileiro do Pacto Global (CPBG) e da Rede Nossa São Paulo, entre outros.


Pai do Marco, Luca e Matteo, casado com Andrea e avô da Florinha.

conselheiro:
Conselho da Rede Nossa São Paulo
Conselho de Transparência Pública e Combate à Corrupção-CGU
Conselho Alliance for Integrity
Conselho da UNIFESP
Conselho do IBRIC
Conselho Instituto Ética & Saude
Conselho da ONG Agenda Pública
Conselho do ISE-B3
Conselho do Selo Agro Mais 

Camila Pitanga 1

Camila Pitanga Manhães Sampaio (Rio de Janeiro, 14 de junho de 1977), conhecida como Camila Pitanga é uma atriz e apresentadora brasileira. Tornou-se conhecida em 1987 como Angelicat, assistente de palco da apresentadora Angélica. Como atriz, estreou em 1993, interpretando uma das protagonistas de Sex Appeal, emendando outros papeis consistentes em Fera Ferida, A Próxima Vítima, Pecado Capital e Malhação. Em 2001, foi alçada ao primeiro escalão de atores da Rede Globo quando foi escalada como antagonista do principal produto da emissora, a “novela das oito” Porto dos Milagres.

Em 2003, coprotagonizou uma das novelas de maior audiência da década, Mulheres Apaixonadas, com a qual ganhou seu primeiro prêmio de televisão, o Prêmio Extra de Televisão. Após o destaque em Belíssima, interpretou o papel de maior repercussão de sua carreira em Paraíso Tropical, a antagonista Bebel, uma prostituta que caiu no gosto popular pelo apelo cômico em suas cenas de vilanias, ganhando os principais prêmios de televisão, como o Troféu Imprensa, Prêmio Contigo!, Melhores do Ano, Troféu APCA, Prêmio Extra de Televisão e Prêmio Quem.

Na sequência emendou uma série de protagonistas em Cama de Gato, Lado a Lado, Babilônia e Velho Chico.

Carlo Pereira 1

More than 20 years of experience in corporate affairs and sustainability issues acting as an executive for the private sector and international institutions. Leadership, climate change, energy, sustainability strategy, ESG, SDG, human rights and integrity.
Tackling societal issues generating and protecting value. Promoting Impact! 

Christiane Pinto 1

Christiane Silva Pinto é paulistana da Vila das Mercês, formada em jornalismo pela Universidade de São Paulo e, após trabalhar como Recrutadora no Google Brasil por 6 anos, hoje gerencia a estratégia de marketing das soluções da companhia para Micro e Pequenas Empresas. Também fundou e liderou por 6 anos o comitê AfroGooglers, grupo formado voluntariamente por funcionários de diversas áreas (negros e aliados) e que tem por objetivo educar e gerar conscientização interna em relação à justiça racial, assim como apoiar e desenvolver os atuais profissionais negros na empresa, além de trabalhar com a comunidade externa visando sua capacitação e crescente representação de profissionais negros no mercado de trabalho. 

Cássia Virgínia Bastos Maciel 1

Psicóloga CRP-03/11296, Graduada pela Universidade Federal da Bahia/UFBA, possui especialização em Gestão de Pessoas no Serviço Público com Ênfase em Gestão por Competências. Atualmente exerce o cargo de Pró-Reitora de Ações Afirmativas e Assistência Estudantil desta Universidade. Mestranda do Programa Multidisciplinar em Estudos Étnicos e Africanos-Pós Afro/FFCH/UFBA

Claudia Politanski 1

Vice-presidente do Itaú Unibanco e líder das áreas de Pessoas, Jurídico, Ouvidoria, Relações Governamentais e Institucionais, Comunicação Corporativa e Marketing. Atua também como secretária do Conselho de Administração e do Comitê Executivo do banco. É vice-presidente da Federação Brasileira de Bancos (Febraban) e integra o conselho do Hospital Israelita Albert Einstein.
Bacharel em Direito pela Universidade de São Paulo, possui LLM pela University of Virginia e MBA pela Fundação Dom Cabral. 

Cloris Akonteh 1

Experiência como produtora, repórter, editora, chefe de reportagem, chefe de produção, editora-executiva e editora-chefe. 

Racismo Estrutural - 01.10 das 11h30 às 13h -Dácio Roberto Matheus

Possui graduação em Engenharia Agronômica pela Universidade de São Paulo (1985), mestrado em Ciências Biológicas (Microbiologia Aplicada) pela Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho (1998) e doutorado em Ciências Biológicas (Microbiologia Aplicada) pela Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho (2003). Foi Diretor Geral do Departamento Estadual de Proteção de Recursos Naturais (DEPRN); Diretor da Divisão de Planejamento de Áreas Especiais (APAs) da SMA-SP; Assessor para Meio Ambiente do Centro de Ensino e Pesquisa do Litoral Paulista – CEPEL, da Universidade Estadual Paulista “Júlio de Mesquita Filho” – UNESP, São Vicente-SP; Diretor da Divisão do Jardim Botânico de São Paulo e Diretor de Operações (Unidades de Conservação) da Fundação para Produção e Conservação Florestal do Estado de São Paulo. Atualmente é Reitor e professor titular da Universidade Federal do ABC e professor colaborador na pós-graduação em Biodiversidade Vegetal e Meio Ambiente do Instituto de Botânica e colaborador na pós-graduação em Biotecnologia da Universidade de São Paulo. Tem experiência na área de Microbiologia, com ênfase em Microbiologia Aplicada, atuando principalmente nos seguintes temas: biorremediação, biotecnologia, biodegradação, poluentes orgânicos

persistentes e micologia, bem como temas sobre a proteção de recursos naturais e unidades de conservação da natureza.

Daniel Darahem 1

Daniel Darahem presidente sênior no Brasil da JP Morgan Chase & Co.

Darahem foi do Brasil para Hong Kong em 2016 para construir os negócios de investidores estratégicos e de private placement de ações na Ásia. Antes disso, ele foi co-chefe de banco de investimento do JPMorgan no Brasil e chefe de mercado de capitais de renda variável da América Latina

Dayana Pinto 1

Pedagoga pela Universidade Federal de Viçosa. Cofundadora da AIESEC Viçosa – quando sua equipe foi mundialmente reconhecida pelas melhores performances das Unidades Operacionais. Equipe de Curadoria e Coaching do TedxFloripa 2019. Experiência em educação, processos educacionais e instrucionais.

Edison Simoni 1

Doutor e mestre em Administração pela FEA/USP, graduado em Administração pela FECAP. Professor desde 2001, atualmente é Reitor da FECAP. Tem interesse de pesquisa em Finanças Corporativas, Governança Corporativa e Estratégia. Tem experiência em gestão no setor educação.

Eduardo Lacerda 1

Eduardo Lacerda é o Diretor Vice-Presidente Comercial e de Refrigerantes da Ambev. Começou a trabalhar na Ambev em 2001 e ocupou diversas posições, incluindo de Diretor de Orçamento e Desempenho de Negócios da ABI e Diretor de Fusão e Aquisição na Europa. Em sua última posição, como VP Financeiro na Europa, Eduardo foi fundamental para definições estratégicas financeiras da companhia. Lacerda é formado em engenharia pela PUC do Rio de Janeiro.

Racismo Estrutural - 01.10 das 14h30 às 16h - Eduardo Santos

Educação

Graduado em Engenharia e Redes de Sistemas de Computadores no IBTA

Mestrado em Educação e Desenvolvimento Organizacional na Hult Ashridge Executive Education

Trajetória Profissional

Durante 10 anos no setor de tecnologia e informação, Eduardo trabalhou em empresas como TIVIT, AlfaPeople, Microsoft e teve uma jornada impactante reconhecida nos mercados de Business Applications e Customer Experience.

Em 2015 ele ingressou na EF, a maior empresa privada de educação internacional e aceitou o desafio de aprimorar o desempenho das organizações e de seus profissionais por meio do poder da comunicação e da colaboração internacional. Após diferentes

cargos e projetos dentro da renomada empresa sueca, Eduardo assumiu a operação brasileira em 2018.

Sua origem e cor de pele são valores dos quais Eduardo se orgulha. Os diversos momentos de discriminação racial vividos recentemente, especialmente na vida corporativa, se transformaram em oportunidades para desenvolver diferentes iniciativas de promoção da igualdade racial e oportunidades reais para a força de trabalho brasileira.

Política de Ações Afirmativas - 01.10 das 19h às 20h - Elisabete Aparecida Pinto

É professora Associada I da UFBA. No período de 2017 a abril de 2020 foi liberada para UNIFESP para auxiliar na implementação do PLANO DE COOPERAÇÃO TÉCNICA PARA EXECUTAR O SERVIÇO JUNTO A PRO-REITORIA DE ASSUNTOS ESTUDANTIS NA ELABORAÇÃO DE PROGRAMAS E PROJETOS DE AÇÃO DE TRANSVERSALIÇÃO DA QUESTÃO ÉTNICO-RACIAL E DE GÊNERO NA POLÍTICA AÇÕES AFIRMATIVAS E ASSISTÊNCIA ESTUDANTIL-PRAE. Foi Assessora da Pró-reitoria de Ações Afirmativas e Assistência Estudantil assumindo o cargo em abril de 2013 até dezembro de 2013. A partir de dezembro de 2013 assumiu a Coordenação de Programas de Assistência Estudantil até agosto de 2014. Coordenadora do Colegiado de Graduação em Serviço Social da Universidade Federal da Bahia (Gestão 2009- 2013). Destaca nessa gestão a elaboração do Projeto Pedagógico do Curso enfatizando a transversalidade das categorias étnico-racial e de gênero. A primeira pesquisa realizada foi original e pioneira no contexto do Serviço Social brasileiro. O Serviço Social e a Questão Étnico-Racial: um estudo da relação serviço social e usuários negros

transformada no livro O Serviço Social e a Questão Étnico-Racial (um estudo de sua relação com os usuários negros) publicado em 2003 pela Terceira Margem Editora.

Elisa Rodrigues 1

Elisa Lucas Rodrigues, que por seis anos foi Coordenadora de Políticas de Promoção de Igualdade Racial da Secretaria de Justiça e Defesa da Cidadania do Estado e dedicou sua vida ao combate do preconceito e da discriminação racial, assumiu em 17 de setembro último o cargo de Secretária Executiva Adjunta da Secretaria Municipal de Direitos Humanos e Cidadania do município de São Paulo.
Antes de sua nomeação, Elisa havia sido convidada pelo presidente da Assembleia Legislativa de São Paulo, deputado Cauê Macris, para assessorá-lo. Entre 2003 e 2010, foi eleita para presidir o Conselho Estadual da Comunidade Negra. Desempenhou ainda o cargo de assessora parlamentar no Palácio dos Bandeirantes, no período de 2011 a 2012.
Entre as suas muitas realizações está a campanha SPcontraoRACISMO no Futebol promovida pelo Governo do Estado e Federação Paulista de Futebol nos estádios e desenvolvida durante os jogos da semifinal e final do Campeonato Paulista de 2015. Na entrada do estádio foram distribuídos aos torcedores cartões vermelhos contra o racismo, para serem levantados em diversos momentos das partidas a pedido dos locutores dos estádios do Alianz Park e da Arena Corinthians. Os jogadores gravaram depoimentos em vídeos que foram veiculados pela internet e redes sociais.

Elisa Rodrigues Lucas promoveu palestras em diversos municípios do Estado para formar policiais contra o racismo, presidiu em 2013 a III Conferência sobre Políticas de Promoção de Igualdade Racial e ajudou a elaborar a Lei 1259/2015, que estabeleceu a Pontuação Diferenciada para pretos, pardos e indígenas nos concursos públicos estaduais, entre outras muitas conquistas.

Fernanda Lira Goes 1

Possui graduação em Relações Internacionais pela Faculdade Integrada da Bahia (2002) e especialização em Relações Internacionais pela Universidade de Brasília (2006). Tem experiência na área de Ciência Política, com ênfase em Política Externa Africana do Brasil.

Racismo Estrutural - 01.10 das 13h às 14h - Frei David

Frade franciscano da Ordem dos Frades Menores na Província da Imaculada Conceição do Brasil e fundador do Projeto EDUCAFRO – Educação e Cidadania de Afrodescendentes e Carentes

Gilberto de Lima Costa Junior 1

Strong business development professional. Experienced Operations Manager with demonstrated history of working in the financial services industry. Skilled on Financial Services, Business Planning, Risk Management and Banking.

Gláucia Terreo 1

16 years of experience in the sustainability management tools field (research, development and application) including 5 years at Ethos Institute and over 12 years as head of regional hub of the Global Reporting Initiative (GRI) in Brazil.
Specialties: Sustainability management tools 

Representatividade negra na mídia - 01.10 das 20h às 21h - Hélio De La Penã

Carioca, casado, três filhos, nascido e criado no subúrbio da Vila da Penha. Formado em engenharia pela UFRJ. Um dos criadores do programa “Casseta & Planeta, Urgente!”, no ar de 1992 a 2010, onde atuou e escreveu. Autor de quatro livros, roteirista do filme CORRENDO ATRÁS (adaptado de seu livro “Vai na Bola, Glanderson”), com lançamento previsto para novembro. Atuou como ator da novela Totalmente Demais (reexibida recentemente pela rede Globo), representando o advogado Zé Pedro. Nadador de águas abertas e, o mais importante, botafoguense.

Política de Ações Afirmativas - 01.10 das 19h às 20h - Helio Santos

Graduado pela Faculdade de Economia, Administração e Contabilidade da Universidade de São Paulo. Possui mestrado e doutorado em Administração de Empresas.

Heloise da Costa 1

Analista Sênior de Treinamentos e Ações Afirmativas. Mestre em Relações Étnico-Raciais pelo CEFET – RJ, Graduada em Letras/ Literatura pela UFRJ. Pesquisadora bolsista da CAPES, nas áreas de Relações Raciais e Sociedade, Linguagem, Letramento Racial, Racismo e Educação. Professora de Língua Portuguesa e Literatura. Coordenadora e articuladora do Projeto EntreLivros, de implementação da Lei 10.639/03. Professora convidada do Projeto de extensão “Relações Raciais e Ensino de Geografia”, da UERJ.

Jefferson Mariano 1

Bacharel em Sociologia e Política (FESP-SP), Meste em Economia (PUCSP), Doutor em Desenvolviment Economico (Unicamp).

Analista socioeconômico do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) desde 2002; Professor na Faculdade Casper Líbero e na Saint Paul Escola de Negócios. Foi coordenador do curso de ciências Economicas da Uninove. Autor dos Livros: Introdução à Economia Brasileira, Economia Internacional (editora saraiva); Manual de Introdução à Economia (editora papirus); Introdução a economia (editora ciência Moderna). Também participou do livro Políticas públicas –Estudos e Casos (editora ìcone). Atualmente está organizando um Atlas Socioeconômico das Regiões de SP, com previsão para publicação no início de 2016.

Racismo Estrutural - 01.10 das 10h às 11h30 - Joao Paulo Ferreira

João Pauilo Brotto Golçalves Ferreira. Presidente da Natura, ex Vice-Presidente Comercial da empresa, sendo responsável por diversas funções como Cadeia de Suprimentos, Manufatura, Operações Internacionais e Sustentabilidade.

Joao Carlos Salles 1

Doutor em Filosofia pela Universidade Estadual de Campinas (1999). Atualmente, é professor associado da Universidade Federal da Bahia, tendo sido Diretor da Faculdade de Filosofia e Ciências Humanas da UFBA. Entre outros livros, publicou A Gramática das Cores em Wittgenstein (CLE/Unicamp, 2002), O Retrato do Vermelho e Outros Ensaios (Ed. Quarteto, 2006) e O Cético e o Enxadrista: Significação e Experiência em Wittgenstein (Ed. Quarteto, 2012).
Sua experiência na área de filosofia volta-se, sobretudo, na perspectiva da epistemologia e da filosofia da linguagem, para a história da filosofia moderna e contemporânea, com ênfase no empirismo clássico e na obra de Ludwig Wittgenstein. Membro titular fundador da Academia de Ciências da Bahia, desenvolve a pesquisa “A Gramática da Experiência: O anímico na filosofia da psicologia de Wittgenstein”, com bolsa do CNPq, coordenando também o PRONEX Filosofia e Ciências (FAPESB/CNPq).
É líder do Grupo de Pesquisa do CNPq Filosofia Moderna e Contemporânea, ao qual se vincula o Grupo de Estudos e Pesquisa Empirismo, Fenomenologia e Gramática (http://www.efg.ufba.br). E, tendo sido presidente da Associação Nacional de Pós-Graduação em Filosofia (ANPOF) de outubro de 2002 a dezembro de 2006, preside agora a Sociedade Interamericana de Filosofia (http://www.sif2013.org).

Jonathan Haagensen 1

Jonathan Sirney Haagensen Cerqueira é um ator e modelo brasileiro. É também cantor e integrante do grupo de hip hop, “Melanina Carioca”, do qual é um dos principais vocais.

Morador da comunidade do Vidigal desde que nasceu, Jonathan descende de noruegueses por parte de seu pai, que não vê desde os seis anos. “Nunca mais soube notícias do meu pai. Só sei que mora em Vitória, no Espírito Santo”, diz.

Haagensen fez parte da companhia teatral Nós do Morro e ganhou notoriedade ao participar do filme Cidade de Deus (2002), de Fernando Meireles e Kátia Lund. Seu irmão Phellipe Haagensen também é ator.

Interpretou o compositor Cartola no filme Noel – Poeta da Vila.

Já participou, como modelo, do evento Fashion Rio, de campanha para Dolce & Gabbana e trabalhou em eventos promocionais da NBA.

Política de Ações Afirmativas - 01.10 das 19h às 20h - José Jorge de Carvalho

Proponente das cotas para negros e indígenas na UnB e coordenador do Encontro de Saberes, destinado a incluir os mestres e mestras dos saberes tradicionais, (indígenas, afro-brasileiros, quilombolas, entre outros) como docentes nas universidades.

José Vicente 1

Ao longo dos ultimos 20 anos, temos dedicado grande empenho e energia no fortalecimento e consolidação dos valores da diversidade racial como instrumento de inclusão e fortalecimento do jovem negro no ensino superior, ambiente corporativo e sociedade em geral.
Para alcançar sucesso nesses objetivos e consolidar essas importantes transformações, além de interações e negociações políticas, corporativas, sociais e negociais nos diferentes espaços sociais, criamos a Afrobras – Sociedade Afrobrasileira de Desenvolvimento Socio Cultural, uma das mais importantes ONG brasileira desse tema, a Faculdade Zumbi dos Palmares, para qualificação dos jovens negros no ensino superior, o movimento social e empresarial Iniciativa Empresarial pela Igualdade Racial , para qualificação empresarial e integração do negro no ambiente corporativo , a Flinksampa – Festa Internacional da Literatura e Cultura Negra de São Paulo , a Corrida pela Igualdade , a Afropro – qualificadora de jovens aprendizes negros, o Troféu Raça Negra; a TV Zumbi e o Portal Afrobrasileiros, na internet , para produção de conhecimento e divulgação de informações dessa temática.
Enfim, um conjunto significativo de ações e realizações para contribuir e auxiliar no combate à discriminação e racismo contra os negros, assim como, promover sua inclusão, participação e protagonismo em todas os espaços da sociedade brasileira.

Racismo Estrutural - 01.10 das 17h30 às 19h - Katiúcha Watuze

Atua em comunicação utilizando-a como ferramenta para a construção de pontes antirracistas. Como mobilizadora social, atua diretamente com as questões raciais, entendendo raça como eixo central das desigualdades. É cofundadora do Pretaria.Org | Coletivo Pretaria, fundadora do Blackworking, hub de afroempreendedores e colabora em outros movimentos e projetos sociais. Parceira colaborativa do Águas Vivas Festival e parceira da Responsabilidade Social da Rede Globo.

– Comunicóloga – Mediadora e palestrante antirracista – Produtora Cultural – Mobilizadora Social

Racismo Estrutural - 01.10 das 17h30 às 19h - Lívia Maria Santana e Sant'Anna Vaz

Promotora de justiça do Ministério Público do Estado da Bahia. Promotora de justiça do Ministério Público do Estado da Bahia; mestra em Direito Público pela Universidade Federal da Bahia; doutoranda em Ciências Jurídico-Políticas pela Faculdade de Direito da Universidade de Lisboa. Coordenadora do Grupo de Atuação Especial de Proteção dos Direitos Humanos e Combate à Discriminação e ex-Coordenadora do Grupo de Atuação Especial em Defesa da Mulher e da População LGBT do MP-BA. Coordenadora do Grupo de Trabalho de Enfrentamento ao Racismo e Respeito à Diversidade Étnica e Cultural (GT-4), da Comissão de Defesa dos Direitos Fundamentais do Conselho Nacional do Ministério Público.

Luciana Paganato 1

Minha formação abrange mais de 18 anos de experiência em diferentes setores de negócios (bancário, consultoria e indústria de bens de consumo), atuando na maioria das áreas de RH com foco em Desenvolvimento Organizacional e de Funcionários e Remuneração

Marcelo Battistela Bueno 1

Marcelo Battistella Bueno é um dos fundadores e atual CEO da Ânima Educação, grupo que contempla as instituições de ensino superior Una (MG e GO), UniBH (MG), Universidade São Judas (SP) e UniSociesc (SC e PR), além da escola internacional de gastronomia Le Cordon Bleu, em São Paulo (SP), EBRADI – Escola Brasileira de Direito e, ainda, a HSM Educação Executiva.

Marcio Borges 1

Over 20 years acting in marketing and advertising area as a senior executive with international experience;
Solid experience in leading creative and innovative teams;
Ability to reduce costs through redesign of processes and teams;
Over 20 years handling communication and marketing business in many sectors like: beverages, food/nutrition, Telecom, Beauty, healthcare, education, internet, retail, transportation, travel and tourism, finance, television and many others.
I Believe in diversity and gender equality as key drive to keep the business in the right track for the future;
I Believe in technology as an accelerator for human intelligence;
Solid knowhow using data as part of creative process;
Strong experience in coaching and mentoring;
Strong experience in negotiating contracts with big companies;
Strong experience to create and develop teams.
Co-founder of Kolab – Coca-Cola intelligence Lab and Nlab – Nestlé Intelligence Lab. 

Racismo Estrutural - 01.10 das 10h às 11h30 - Maria Paula Iughetti Capuzzo

Formada em Administração de Empresas pela Universidade de São Paulo no Brasil. Na Colgate-Palmolive, coloca em prática toda a sua experiência de mais de 20 anos na empresa, onde tem se destacado por alavancar a participação de mercado, resultados financeiros, desenvolver talentos e fortalecer nossos valores corporativos; como respeito, trabalho em equipe e melhoria contínua. Antes da experiência no Brasil, atuou como VP de Marketing da Divisão América Latina, onde liderou equipes com foco no crescimento de participação de mercado em um momento competitivo e muito complexo.

Política de Ações Afirmativas - 01.10 das 19h às 20h - Mauricio Pestana

É jornalista, publicitário, gestor público e cartunista, sendo considerado o cartunista negro de maior sucesso na história do Brasil. Iniciou seus estudos acadêmicos na Fundação Santo André e, posteriormente ingressou na Fundação Cásper Líbero, primeira instituição de jornalismo do País. Sua trajetória

profissional começou nos anos de 1980 no Jornal O Pasquim como Cartunista político e depois teve passagem pelos jornais Diário do Grande ABC,Diário Popular e Gazeta Esportiva.

Racismo Estrutural - 01.10 das 11h30 às 13h - Manuel Nabais da Furriela

Foi advogado interno do IDB – Inter-american Development Bank (Washington DC) é Professor de Direito Civil e Direito Internacional, Presidente da Comissão do Direito do Refugiado, Asilado da Proteção Internacional da OAB/SP e Reitor da Escola de Direito da FMU.

Formação Acadêmica

Faculdades Metropolitanas Unidas – FMU (Bacharelado em Direito, 1995), American University Washington DC, (Mestre em International Legal Studies, 2001); Faculdade de Direito do Largo São Francisco – USP, (Mestre em Direito Internacional, 2016). Associação de Classe: Ordem dos Advogados do Brasil e Associação dos Advogados de São Paulo.
Trabalhos Publicados: Autor dos livros “Direito para Cursos Jurídicos e Não Jurídicos” (2011, Editora Saraiva), “Direito à Diversidade” (2015, Editora Atlas), “Aspectos da Unificação Europeia” (2016, Editora Intelecto) e “Famílias Internacionais: Seus Direitos e Seus Deveres” (2016, Editora Intelecto);

Racismo Estrutural - 01.10 das 13h às 14h - Margareth Ferreira

Coordenadora Estadual de Comunicação MNU Lagos

Racismo Estrutural - 01.10 das 13h às 14h - Maria Sylvia Aparecida de Oliveira

Graduada em Direito pela Universidade Presbiteriana Mackenzie, em São Paulo;

Mestranda no Programa de Pós-Graduação em Humanidades, Direitos e Outras Legitimidades (Diversitas/FFLCH/USP);

Ativista de Direitos Humanos – atua em questões de Gênero, Raça e Etnia, no enfrentamento à violência contra a mulher e violência doméstica e familiar;

Sócia efetiva do Geledès-Instituto da Mulher Negra; Presidenta do GELEDÉS-Instituto da Mulher Negra (2018/2021). Conselheira Estadual da Ordem dos Advogados do Brasil – Secção São Paulo, triênio 2019/2021;

Maria Zelma de Araújo Madeira 1

Possui graduação em Serviço Social pela Universidade Federal do Piauí (1991) , mestrado em Sociologia do Desenvolvimento pela Universidade Federal do Ceará (1998) e Doutorado em Sociologia pela UFC com linha de Pesquisa Pensamento social, imaginário, e religião(2009). Coordenadora Estadual de Politicas Públicas para a Promoção da Igualdade racial do Ceará ( desde 2015-). Professora do Curso de Serviço Social da Universidade Estadual do Ceará(2004). Professora do Mestrado em Serviço Social, Trabalho e Questão social. Coordenadora do NUAFRO- Laboratório de Afro brasilidade, gênero e família da UECE. Líder do Grupo de Pesquisa Relações Etnico-raciais : cultura e sociedade da UECE. Tem experiência na área de Sociologia, Serviço Social, atuando principalmente nos seguintes temas: Família, Gênero, relações etnico-raciais, Política sociais, Politica de Assistência Social, cultura e religião de matriz africana.

Mariana Bispo 1

A Mariana Bispo apresentadora do SP no ar da TV Record.

Sou jornalista com experiência em televisão. Há quase cinco anos na Record TV, já passei por setores como apuração, produção de pautas e estúdio, edição de texto, reportagem e apresentação. 

Mariana teve uma ascensão meteórica na Record. Com apenas 23 anos de idade, a jornalista entrou na emissora em 2016 e logo conquistou seu espaço.

Mauricio Rodrigues 1

Senior financial executive with 20+ years experience and broad knowledge of Ag business, risk management and leadership of large groups in multiple regions, especially in Latin America. Global experience with international assignments in the USA (responsible for global teams and working closely with company’s Executive Team) and Mexico (responsible for teams in Mexico, Central America and Andean regions). Currently leading the Finance team of the Crop Science Division in Latin America and also acting as a Board Member of a private development company and a pension fund. Civil engineer with MBA in Finance, fluent in english, spanish and portuguese (native). 

Marco Castro 1

Sócio-presidente da PwC Brasil e membro de fóruns internacionais do Network de firmas PwC, dentre os quais o Global Strategy Council e o Asia, Pacific & Americas Cluster Leadership Team. Adicionalmente, atua em suporte à PwC Equador e é o Chair do Board da PwC Brasil e PwC Equador.
Anteriormente foi líder das áreas de Auditoria (2016-2020) e de Finanças e Operações da PwC Brasil, cargo que exerceu logo após concluir o ciclo de oito anos como membro dos Boards Global e Regional da PwC. Por vários anos foi também o Chair do Board da PwC Brasil. Ao longo de sua carreira ocupou outras posições de liderança, dentre elas a liderança da região Nordeste da PwC Brasil, onde residiu por vários anos. Ingressou na PwC, em São Paulo, em 1984 e foi admitido à sociedade em 1987.
Com mais de 36 anos de experiência profissional, é membro ativo na comunidade, e como parte de suas atividades, participa regularmente de instituições sem fins lucrativos, como a Câmara Americana de Comércio (AMCHAM) e o Instituto Brasileiro de Governança Corporativa (IBGC). É membro eleito dos Conselhos de Administração do Instituto Brasileiro de Executivos de Finanças (IBEF), do Instituto dos Auditores Independentes do Brasil (IBRACON) e da Câmara de Comércio Brasil-Espanha (Câmara Espanhola).
Bacharel em Ciências Contábeis, com especialização em Finanças. Cursou vários programas executivos internacionais, tais como: programa de estratégia e inovação (University of Western Ontario), programa avançado de finanças (Darden School of Business, na University of Virginia), inovação e tecnologia (Singularity University), tecnologia (Escuela de Dirección y Negocios de la Universidad Austral) e inovação e tecnologia (Tel Aviv University). 

Marcos Valerio de Araujo 1

Diretor executivo na Aegea Saneamento e Participações S.A

Possui graduação em Tecnologia Sanitária pela Unicamp – Universidade Estadual de Campinas (1997), especialização em MBA em Gestão Empresarial pela FGV. Atua na área gerenciamento de empresas de saneamento básico à 22 anos.

Octavio de Lazari Junior 1

Octavio de Lazari é CEO do banco Bradesco, instituição financeira com o maior número de clientes no Brasil, cerca de 44,5 milhões. Atuando no negócio desde 1978, Octavio construiu toda sua carreira na empresa, não à toa a oficialização de seu nome no cargo foi bem recebida na bolsa de valores. As ações da companhia subiram 2,3% no dia da indicação da troca.

Possui graduação em ciências econômicas pela Faculdade de Ciências Econômicas e Administrativas de Osasco, além de ter especializações na área.

Estando quatro décadas na instituição, o executivo tem quase toda sua carreira profissional voltada ao Bradesco.

Com apenas 15 anos ele iniciou sua trajetória no dia a dia do banco, entrou como office boy em uma agência da Lapa, bairro da cidade de São Paulo.

Paulo Barauna 1

Paulo Baraúna, diretor executivo de Negócios e Operações

Experienced Business Director with a demonstrated history of working in the industrial gases.Skilled in Negotiation, Pricing, Business Planning, Business Development, and Sales Management. Strong business development professional graduated from Coppead UFRJ and IBMEC. 

Robson Martinho 1

Head of Digital, CRM & Pricing | Santander Consumer Finance

Leading amazing people.
Building incredible machines.
Turning data into insights.
#talentonaotemcor ✊🏾🖤 

Rodolfo Sirol 1

Formado em Oceanografia pela Universidade Federal do Rio Grande, com mestrado e doutorado em Zootecnia pela Universidade Federal de Viçosa e dois MBAs, ambos pela Fundação Getulio Vargas (Gestão Empresarial e Gestão de Pessoas), Rodolfo Sirol trabalha no setor de energia desde 2001. Após atuar como gerente ambiental na Duke Energy, ele se juntou à CPFL Energia em 2008, onde foi gerente e diretor de Meio Ambiente antes de assumir a diretoria que incorporou a área de sustentabilidade da holding. O líder também possui formações complementares em Inovação pela HSM (pós-MBA) e, em 2017, finalizou o programa Prince of Wales’s Business & Sustainability, da Universidade de Cambridge.

Ronaldo Lima dos Santos 1

Graduado em Direito pela Faculdade de Direito da Universidade de São Paulo – USP (1996). Mestre em Direito do Trabalho pela Universidade de São Paulo – USP (2002). Doutor (aprovado com louvor) em Direito do Trabalho pela Universidade de São Paulo – USP (2005). Professor Doutor da Faculdade de Direito da Universidade de São Paulo – Departamento de Direito do Trabalho e da Seguridade Social. Especializando em Formação em Psicanálise (clínica) pelo Instituto Sedes Sapientiae. Professor em cursos de pós-graduação. Procurador do Trabalho do Ministério Público do Trabalho da 2ª Região – São Paulo, atuando principalmente nos seguintes temas: Direito do Trabalho, Processo do Trabalho, interesses difusos e coletivos, ações coletivas, interesses individuais homogêneos, e Direitos Humanos. Possui, entre outras produções, 7 livros publicados, 1 livro organizado, 23 capítulos de livros publicados, 66 artigos publicados em periódicos especializados; 16 trabalhos publicados em jornais de congressos. Atualmente desenvolve pesquisas e trabalhos nas seguintes áreas: 1) Direitos humanos e Direito do Trabalho; 2) Direito do Trabalho e psicologia, com ênfase na Psicologia Social e na Psicanálise Freudiana; 2.1. Olhar psicanalítico sobre as relações de trabalho. 2.2. Subjetividade do trabalhador nas relações de trabalho. 2.3. Psicopatologias, transtornos mentais e emocionais e relações do trabalho. 3. Tutela dos grupos socialmente vulneráveis nas relações de trabalho 4. Ideologia e direitos sociais (marxismo e direito) 5. Análise Freudo-Marxista da sociedade e das relações de trabalho no sistema capitalista 5. Direitos difusos e coletivos nas relações de trabalho/ Jurisdição Coletiva no Processo do Trabalho. 6. Direito Sindical.

Racismo Estrutural - 01.10 das 14h30 às 16h - Salcy Lima

Salcy Lima é jornalista paraense e apresentadora do jornal ” Fala Brasil” na Recordtv desde 2019. Foi repórter dos principais jornais da casa com entradas ao vivo, reportagens especiais e coberturas históricas. Começou a carreira na Recordtv Belém, em 2010. Foi repórter e apresentadora dos jornais locais até receber o convite para fazer parte da equipe em São Paulo, há seis anos.

Sergio Loroza 1

Sérgio Loroza é um ator, cantor, comediante e compositor brasileiro. É cantor que transita pelos seguintes gêneros: MPB, samba, marchinha, rapper, soul, funk muito requisitado na noite e carnaval carioca, já tendo lançado 3 álbuns solo, o mais recente Carpe Diem em outubro de 2013. Ficou conhecido do grande público em razão do personagem Figueirinha, da série de televisão A Diarista.

Em 2007 foi um dos 14 participantes do quadro Dança dos Famosos do Domingão do Faustão da TV Globo e cativou o público pelo seu desempenho e desenvolvimento na dança.

Sheila de Carvalho 1

Advogada. Coordenadora de Direitos Humanos do Instituto Ethos. Integrante da Comissão de Direitos Humanos da OAB/SP (Gestão 2019/2021). Foi representante da sociedade civil no Comitê Nacional de Prevenção e Combate à Tortura (Biênio 2017-2018). Foi Coordenadora-Adjunta de Justiça e Segurança (2017/2018) e Assessora do Núcleo de Atuação Política (2016/2017) do Instituto Brasileiro de Ciências Criminais (IBCCRIM). Foi Vice-Presidente do Conselho Municipal de Política de Drogas e Álcool de São Paulo (COMUDA) (BIênio 2016-2017). Integrante da Articulação Justiça e Direitos Humanos – JUSDH. Foi advogada do Programa de Justiça da Conectas Direitos Humanos (2013/2016). Foi Pesquisadora do Grupo Permanente de Pesquisa “Direitos Humanos – Perspectivas e Reflexões para o Século XXI” na Universidade Presbiteriana Mackenzie – UPM/CNPq (2010/2013). Tem experiência na área de Direito, com ênfase em Direitos Humanos, Direito Penal e Direito Internacional, atuando principalmente nos seguintes temas: Sistema Prisional e Seletividade Penal, Sistemas Internacionais de Proteção de Direitos Humanos, Litígio Estratégico em Direitos Humanos, Política de Drogas, Movimentos Sociais e Participação Social. 

Silvana da Silva 1

(Procuradora do Trabalho na Procuradoria do Trabalho no Município de Juiz de Fora/MG.

Vice-Coordenadora Nacional da Coordenadoria Nacional de Promoção de Igualdade de Oportunidades (Coordigualdade).

Ex-juíza do trabalho no TRT da 1ª Região).

Racismo Estrutural - 01.10 das 11h30 às 13h - Silvia Virginia S. Souza

Advogada, graduada em Direito pela Universidade Paulista (2010). Pós-graduada em Direito do Trabalho e Processo de Trabalho pela Faculdade de Direito Damásio de Jesus. Pós-graduanda Lato Sensu em Direitos Humanos, Diversidade e Violência na UFABC – Universidade Federal do ABC .

Representatividade negra na mídia - 01.10 das 20h às 21h - Val Perre

José Valdo de Oliveira Teixeira, conhecido pelo nome artístico Val Perré, é um ator brasileiro que se dedica à carreira artística desde 1992. Baiano de Acupe, município de Santo Amaro da Purificação, onde viveu até os 15 anos, o artista se mudou para o Rio de Janeiro para se dedicar ao teatro, TV e cinema.

Na TV, já atuou nas novelas e séries, entre eles “Insensato Coração” (2011), “Ti Ti Ti” (2011), “O Relógio da Aventura” (2011), “Viver a vida” (2009/2010), “Amazônia de Galvez a Chico Mendes” (2006), “Desejo proibido” (2008), “Força Tarefa” (2008/2009), “Faça sua História” (2008) e “Guerra e Paz”, todos pela TV Globo.

Em 2013, Val Perré atuou no remake “Saramandaia” como o capanga Firmino e no ano seguinte interpretou um segurança sedutor em “O Rebu”, protagonizando cenas quentes com Vera Holtz. Em 2015, o ator foi escalado para a novela “Babilônia” para viver o amante da personagem de Gloria Pires, uma vilã ninfomaníaca. Na trama, ele é o pai da Camila Pitanga.

No teatro, ator acumula muitos trabalhos, como nos espetáculos “O Cortiço” (2011), “Ogum Deus e Homem” (2010), “O Baile” (2009), “O Beijo no Asfalto” (2003), “Eqquus” (1997), “O sonho” (1996).

No cinema, atuou no documentário “Abdias do Nascimento (Anjo Negro)”, em 2009, e nos longas “Filhos do Carnaval” (2009), “Amazônia Caruana” (2008/2009), “Bonitinha Mas Ordinária” (2008), “O Guerreiro Didi e a Ninja Lili” (2008), “Destino” (2007) e “A Máquina” (2004).

Racismo Estrutural - 01.10 das 17h30 às 19h - Valdecir Nascimento

Coordenadora Executiva na Odara Instituto da Mulher Negra

Valdirene Silva de Assis 1

Possui mestrado em Ciências Jurídico-politicas pela Universidade de Lisboa (2007). Atualmente é procuradora do trabalho do Ministério Público do Trabalho. Tem experiência na área de Direito e Ciências Políticas, com ênfase em Direitos Humanos. É pós-graduada em Human Rights pela Universidade de Coimbra, atua na área de prevenção e combate à discriminação. Teve Bolsa de Iniciação Científica da Fundação de Amparo à Pesquisa de São Paulo/FAPESP, pela Universidade de São Paulo/USP. Foi Vice-Coordenadora Nacional da Coordigualdade do MPT, de 2006 a 2009, Coordenadora Nacional da Coordigualdade, de 2017 a 2019, e integrante do Grupo Nacional de Direitos Humanos – GNDH, de 2017 a 2019. É Coordenadora da Coordigualdade do Ministério Público do Trabalho/SP, Gerente Nacional do Projeto de Inclusão Social de Jovens Negras e Negros do Ministério Público do Trabalho, Vice Gerente do Projeto Nacional de Inclusão e Acessibilidade no Trabalho para Pessoas com Deficiência e Reabilitadas, Vice Coordenadora da Política Nacional de Equidade de Gênero, Raça e Diversidade do MPT, Membra do Grupo de Enfrentamento ao Racismo – CDDF do Conselho do Ministério Público/CNMP, Docente da Escola Superior do Ministério Público da União/ESMPU, Membra dos Grupos de Trabalho de Gênero e Interseccionalidades, Raça, Empregabilidade LGBTI, Comunidades Tradicionais e Inclusão e Acessibilidade para pessoas com deficiência do Ministério Público do Trabalho.

Valeria Almeida 1

Valéria Almeida é jornalista, roteirista e diretora audiovisual, pós-graduada em Gestão de Produção e Negócios Audiovisuais, pela FAAP, e pós-graduanda em Direitos Humanos, Responsabilidade Social e Cidadania Global, pela PUC-RS. Há nove anos, atua como repórter nos programas nacionais da Rede Globo. Sua estréia foi no Profissão Repórter, desenvolvendo matérias com linguagens documentais focadas em questões socioculturais. Atualmente, integra as equipes do É de Casa, Encontro com Fátima Bernardes e Mais Você.
Pela produtora Kanimambo Filmes, escreve e dirige séries e documentários com foco em impacto sociocultural. Também é comentarista na Rádio CBN-SP, onde discute temas do cotidiano sob as óticas sociais e culturais.
Em 2012, foi finalista do ‘Emmy Internacional’, junto com a equipe do Profissão Repórter. Nos anos de 2013 e 2015 recebeu o Prêmio Globo de Jornalismo, com a participação nos episódios “Seca e Cheia” e “Partos”. Em 2016, escreveu um capítulo do livro “Profissão Repórter – 10 anos”, que reúne as principais coberturas do programa. Em 2017, ganhou o Troféu Dandara dos Palmares, da OAB-Santos, que homenageia mulheres que contribuem com seus trabalhos para a tolerância e o respeito interracial. 

Valter Farid antonio Junior

Secretário Executivo da Justiça e Cidadania:

Graduado em Direito pela Universidade de São Paulo (1996). Mestre em Direito Civil Comparado pela Pontifícia Universidade Católica de São Paulo (2007). Doutorando em Direito Civil pela Universidade de São Paulo (FADUSP). Secretário Executivo da Justiça e Cidadania do Estado de São Paulo (desde jan/20). Procurador do Estado de São Paulo (desde jun/98). Professor da Universidade Paulista (UNIP). Professor de Direito Administrativo da Academia de Polícia Militar do Barro Branco. Professor convidado em cursos de pós graduação em Direito Contratual e Imobiliário. Tem experiência na área de Ciência Política, com ênfase em Estado e Governo.

Vovô do Ilê 1

Fundador e presidente do primeiro bloco afro da Bahia, o Ilê Aiyê, Antônio Carlos dos Santos, conhecido como Vovô, completa 64 anos nesta terça-feira (14).

O Vovô do Ilê é filho de Mãe Hilda, do terreiro Ilê Axé Jitolu, onde é o Ògan de Obaluaê.  Ao fundar o Ilê Aiyê, em 1º de novembro de 1974, Vovô, juntamente com Apolônio de Jesus, tinha como principal preocupação preservar e promover as tradições culturais africanas e afro-brasileiras existentes na Bahia, bem como denunciar e combater o preconceito étnico-racial. Desde a criação do bloco, dedica-se exclusivamente a sua administração.

Antes disso, fez cursos técnicos de Patologia Clínica e de Engenharia Eletromecânica, e trabalhou no Polo Petroquímico da Bahia. Hoje, é responsável pelo Projeto de Extensão Pedagógica e pela Escola Profissionalizante do Ilê, que desenvolve ações comunitárias e pedagógicas no bairro da Liberdade, onde está concentrada a maior parte da população negra de Salvador.

Com o Ilê Aiyê, Antônio Carlos teve a oportunidade de conhecer diversos países, levando a cultura afro-brasileira para muitos lugares do mundo. Vovô, apelido que lhe foi dado desde os 9 anos de idade, é um homem simples, persistente e coerente com suas convicções. Por acreditar na importância de valorizar, dar visibilidade e protagonismo ao povo negro, não é permitida a participação de pessoas não-negras nos cortejos do Ilê Aiyê.

A Fundação Palmares saúda e parabeniza o incansável Vovô do Ilê, que desempenha papel fundamental para a disseminação e perpetuação da cultura afro-brasileira.

Valter Farid Antônio Junior 1

Human Resources executive with solid experience developed in global companies with knowledge in all Human Resources disciplines, developing and implementing strategies and policies within the industrial, manufacturing, metallurgic, automotive, services and health sectors, managing and implementing programs related to the Assessment and Selection, Organizational Development, Performance Management, Compensation and Benefits, Environmental, Health & Safety, Security, Support Services, Communications, Reorganizations, Labor and Union Relations, Operational and Business Excellence, Strategic Planning, ERP Implementation, Governance and other projects.

Daniel Arouca_1

Director, Human Resources
CP Brazil

Paulo Herrmann_1

Presidente at John Deere Brazil

Hermann iniciou sua trajetória na John Deere em 1999 e desde então ocupou diversas posições, principalmente na área de marketing e vendas, respondendo por Brasil e América do Sul. Desde 2009, ocupava o cargo de diretor de vendas para a América Latina.

Por sua vez, Wetzel atuou em cargos de liderança na John Deere em diversas divisões na Euroipa, América Latina, África e Oriente Médio

MERCADO EM DEBATE

Ciência - 30.09.2020 - 19h às 20h - Ana Carolina da Hora

Cientista em Construção na vida , no diploma Cientista da Computação pela PUCRio do Rio de Janeiro. De Duque de Caxias . Experiência no Programa Apple developer Academy formação de developers da Apple para estudantes. 2018 Scholarship Apple WorldWide developers conference . Scholarship Youth Program Internet – CGI 2020 . Criadora do Ogunhê um podcast para compartilhar sobre a história de cientistas africanos . Desenvolvedora Antirracista e Pesquisadora em Pensamento Computacional em Robótica .  

Literatura - 01.10 das 13h às 14h - Ângelo Flávio Zuhalê

Formado pela Universidade Federal da Bahia, é ator, diretor, roteirista, dramaturgo, repórter, preparador de atores. Artista engajado fundou a primeira Cia de Teatro Negro de nível superior no Brasil, a Cia Teatral Abdias Nascimento (CAN) na UFBA. Idealizou, Coordenou e Produziu o ABRIU DE LEITURAS, um projeto de promoção, difusão e intercâmbio da LITERATURA DO TEATRO NEGRO da Bahia e do Brasil (2014). Em duas décadas de carreira (cinema, teatro e tv) vem acumulando não só prêmios, mas o respeito da crítica especializada e da classe artística. Ano passado participou de duas séries da Rede Globo ” Cine Hollywood e Carcereiros” , produziu e dirigiu quatro séries de reportagem especial para a Globo/ Tv Ba. E protagonizou uma montagem teatral no Rio de Janeiro em turnê pelo país. Paralelo a sua carreira artística, Ângelo Flávio é um ATIVISTA NEGRO, que luta em defesa das causas sociais, tema sempre recorrentes em suas montagens teatrais.

Mercado - 01.10 das 10h às 11h - Cajé - Carlos José Santos da Silva

Carlos José Santos da Silva,  ajé, é sócio  de Machado Meyer Advogados e Presidente Nacional do CESA – Centro de Estudos das Sociedades de Advogados, é formado em direito pela Faculdade de Direito da USP e especialista lato sensu em Direito Empresarial pela PUC-SP e em Direito Empresarial pela GV  e, pela mesma faculdade, fez o curso  de extensão universitária em Administração de Serviços Jurídicos. Foi Conselheiro Federal ,  Conselheiro Seccional , Presidente da Turma de Ética Profissional do Tribunal de Ética e Disciplina e Presidente da Comissão Nacional de Sociedades de Advogados do Conselho Federal da OAB . É membro IAB,  AASP,  IASP, Instituto Brasileiro de Energia – IBDE, International Bar Association (IBA) e da UIA – Union Internationale des Avocats. 

Reconhecido pela edição da publicação Latin Lawyer 250 em Pro Bono e na 10th Edition of The Best Lawyers in Brazil em Corporate e M&A.  Condecorado com a “Medalha de Colaborador Emérito da Marinha”. Em 2017 foi indicado pelo Instituto Identidade do Brasil ID_BR com um dos 3 executivos brasileiros na categoria Liderança e Influência no incentivo a empregabilidade entre empresas e profissionais negros.

Ciência - 30.09.2020 - 19h às 20h - Claudio André

Pós-Doutor em Informática e Doutor em Educação (USP), Professor da Pós-Graduação em Tecnologias da Inteligência e Design Digital (TIDD) da PUCSP. Ainda na PUCSP, coordena o Mestrado Profissional em Desenvolvimento de Jogos Digitais. Na área corporativa e serviços, atua como empreendedor e mentor da área de inteligência estratégica e marketing digital.

Publicidade e CEO´s - 30.09.2020 - 10h às 11h - David Laloum

David Laloum é CEO da Y&R, agência de publicidade líder no Brasil. Desde 2017, ele vem contribuindo para uma nova era na agência trazendo uma cultura de mais diversidade, tecnologia, dados, e novos profissionais para reforçar a criatividade e resultados de negócios para os clientes. Nos últimos dois anos, a agência cresceu cerca de 40% em um cenário desafiador para a indústria de comunicação brasileira. Com mais de 400 colaboradores, a Y&R Brasil acredita na construção de uma nova geração de marcas para uma nova geração de consumidores, chamadas Lifebrads. Lifebrands são focadas na participação e relevância na vida das pessoas e essas marcas são feitas de inovação, funcionalidade social, data driven e  pensamento criativo.

Graduado pela IEA em Paris, David viveu na França, Reino Unido, Estados Unidos, Cuba e Senegal, antes de se estabelecer em São Paulo em 2005. Já trabalhou em empresas como Wunderman, TBWA Paris, e Orange Art.

Publicidade e CEO´s - 30.09.2020 - 10h às 11h - Eduardo Camargo

Já se vão 25 anos que Dudu (como é conhecido) vem buscando misturar as fronteiras que dividem criatividade e negócios. Sua carreira começou no marketing da Claro (ex-BCP) como cliente na década de 1990, passou pela liderança de serviços de marketing interativo na Leo Burnett no início dos 2000, e a partir daí começou a empreender com a colmeia: em 2007, junto com Andre Passamani, Jose Mauro Kazi e o grupo INK fundam a empresa focada em criação e produção digital, que rapidamente se tornou referência ao construir relevância para grandes marcas a partir de experiências digitais. Em 2012, ele e Passamani se uniram ao WPP para fundar a Mutato, agência criativa da qual desde então são coCEOs.

Publicidade e CEO´s - 30.09.2020 - 10h às 11h - Eduardo Lorenzi

Eduardo Lorenzi chegou à Publicis em 2015 como VP de Planejamento. Em novembro de 2017, assumiu a copresidência ao lado de Miriam Shirley e, no início de 2019, passou a liderar sozinho a agência como CEO. Eleito Profissional de Planejamento do Ano pela APP em 2013, concorreu ao mesmo título duas vezes no Caboré (em 2011 e 2015). Edu iniciou a carreira na Talent há 22 anos. Depois, foi para a Neogama/BBH, onde atuou como Head of Planning Latam por 10 anos até se tornar sócio da agência. O executivo já foi jurado nos principais prêmios de estratégia do mercado, como o Effie Brasil, Effie Worldwide e Jay Chiat Strategy Awards. Também foi presidente do Grupo de Planejamento de 2011 a 2013 e membro do Conselho da instituição de 2013 a 2017. Hoje é membro do Conselho de Ética do Conar.

Mercado - 01.10 das 10h às 11h - Fernanda Barbosa Diniz

Procuradora do Trabalho da Procuradoria Regional do Trabalho da 1ª Região.

Jornalismo - 30.09.2020 - 12h às 13h - Fernanda Luiza Duarte

Jornalista, especialista em Jornalismo Digital e em Mídias na Educação. Associada da Associação Brasileira de Pesquisadores e Profissionais de Educomunicação – ABPEducom e membro da Comissão de Jornalistas pela Igualdade Racial do Distrito Federal.

Mercado de Luxo - 01.10 das 15h às 16h - Gustavo Tenorio Accioly

Presidente do Comitê Estratégico de Comunicação do MPT; Especialista em Direito Constitucional pela PUC/ SP.

Mercado - 01.10 das 11h às 12h - Humberto Adami Santos Júnior

Humberto Adami é advogado e Mestre em Direito. Preside as comissões nacional da verdade da escravidão negra CFOAB e estadual OAB RJ. É conselheiro seccional OAB RJ. É presidente da CIR IAB Comissão da Igualdade Racial do Instituto dos Advogados Brasileiros. É representante CFOAB na Conatrae.

Publicidade e CEO´s - 30.09.2020 - 10h às 11h - Moderador - Helton Simões Gomes

Jornalista com mais de 10 anos de experiencia na cobertura de ciência e tecnologia, com passagens por Folha, Band e TV Globo. Vencedor do prêmio CNI de Jornalismo de 2013

Literatura - 01.10 das 13h às 14h - Ivair Augusto Alves dos Santos

Professor Doutor pela Universidade de Brasília, Mestre em Ciências Politicas pela Unicamp. Ex perito da Unesco com Missão em Angola, autor de 3 livros e fundador do Conselho de Participação e Desenvolvimento da Comunidade Negra do Estado de São Paulo. Ex diretor do Departamento dos Direitos Humanos da Secretaria de Direitos humanos da Presidência da República.

Literatura - 01.10 das 13h às 14h - Iêda Leal

4. Bio do Painelista: Graduada em Pedagogia pela PUC GO, Especialista em Métodos Técnicas de Ensino pela Universidade Salgado de Oliveira. Ativista do Movimento Negro e do Movimento Sindical. Atualmente Secretária de Combate ao Racismo da CNTE; Secretaria de Comunicação da CUT GO; Foi Conselheira do Conselho Estadual de Educação de Goiás; É Coordenadora do Centro de Referência Negra Lélia Gonzáles; É a atual Coordenadora Nacional do MNU – Movimento Negro Unificado . Mora na cidade de Goiânia – GO e mãe de quatro meninas (Naomí•Júlia•Nuala•Naila)

Ciência - 30.09.2020 - 19h às 20h - Katemari Rosa

Katemari Rosa é professora no Instituto de Física da UFBA, onde coordena o projeto “Contando nossa história: Negras e Negros nas Ciências, Tecnologias e Engenharias no Brasil”, uma iniciativa para mapear cientistas negras e negros no país. A pesquisadora é integrante do grupo Sapa Cientista (@LBsTem) e do DICCINA, o Grupo Diversidade e Criticidade nas Ciências Naturais. Além disso, é uma aficcionada da impressão 3D e suas diversas possibilidades de conexões criativas nas ciências.

Jornalismo - 30.09.2020 - 12h às 13h - moderadora - Larissa Mantovan

Larissa Mantovan é jornalista há 7 anos e cobre pautas relacionadas à cidadania, direitos humanos e meio ambiente. Desde 2015, atua como repórter na Rádio do Ministério Público do Trabalho e faz a cobertura de temas relacionadas à proteção de direitos e à promoção da igualdade nas relações de trabalho.

Ciência - 30.09.2020 - 19h às 20h - Lina Maria Moreira Garai da Silva

Sócia das Consultorias GENYZ Pesquisa e Desenvolvimento  em 3D na Moda e The Forest transformação organizacional.

Tecnologia 01.10 das 18h às 19h - Luís Fabiano de Assis

Luis Fabiano de Assis é Mestre e Doutor em Direito pela Universidade de São Paulo (USP) e Research Fellow no Centro de Direitos Humanos e Justiça Internacional da Universidade de Stanford (EUA), Professor da Escola Superior do Ministério Público da União (ESMPU), Procurador do MP do Trabalho. Membro convidado pela Universidade das Nações Unidas para integrar o Reference Group da Plataforma de Conhecimento da Aliança 8.7, em prol da erradicação do tráfico de

pessoas, da escravidão contemporânea e do trabalho infantil. Colaborador convidado em iniciativas e projetos da Organização Internacional do Trabalho (Lima-Peru e Genebra-Suiça), do Centro de Pesquisas em Políticas Públicas da Universidade das Nações Unidas (Nova Iorque-EUA) e do Banco Mundial (Washington, EUA), em temas relacionados ao uso de dados e de iniciativas de gestão do conhecimento para o fortalecimento de políticas públicas de proteção aos direitos humanos no mundo do trabalho.

Mercado - 01.10 das 11h às 12h - Marco Antônio Delfino de Almeida

Atuação profissional e acadêmica na proteção e reparação de violações de Direitos Humanos de Povos Indígenas, Comunidades Quilombolas e Populações Tradicionais.Atuação profissional na Proteção ao Meio Ambiente com enfoque na autorização e uso de agrotóxicos. Especialista em Direito Constitucional pela Uniderp. Mestre em Antopologia Social pela UFGD e Doutorando em História Indígena pela UFGD.

Mercado - 01.10 das 10h às 11h - Mylene Ramos Seidl

Consultora, palestrante e Juíza Federal do Trabalho Aposentada do TRT2.
Mestre em Direito pelas Faculdades de Direito da Universidades de Columbia, em Nova Iorque e Stanford, na Califórnia.

Mercado - 01.10 das 10h às 11h - Otavio Pinto e Silva

Advogado em SP, Professor Associado do Departamento de Direito do Trabalho e Seguridade Social da Faculdade de Direito da Universidade de São Paulo (USP)

Publicidade e CEO´s - 30.09.2020 - 10h às 11h - Pedro Reiss

Pedro Reiss se tornou CEO da Wunderman Thompson Brasil, resultado da fusão da J. Walter Thompson e da Wunderman, em setembro de 2019, apenas dois anos após ter assumido o comando da Wunderman no país. Antes disso, Reiss que é formado em Administração de Empresas pela FGV-SP e passou pela Singularity University, foi um dos principais responsáveis pela trajetória de sucesso da agência F.biz onde atuou por 18 anos ocupando funções como a de diretor de tecnologia, head de plataformas e co-CEO, tendo participado, em 2011, da negociação de aquisição da empresa pelo grupo WPP. Ele também ocupou posições na Whirlpool e na FCB, além de ter atuado como conselheiro em empresas de vários perfis (start-ups em fintech e biotech e um ecommerce de capital aberto). Pedro faz parte da geração de profissionais que participou da criação do ecossistema digital no Brasil e acompanha a sua evolução até os dias de hoje.

Mercado - 01.10 das 10h às 11h - Roberto Quiroga Mosquera

Mestre e Doutor pela PUC/SP. Professor de Direito Tributário da USP e da FGV DIREITO SP. Sócio de Mattos Filho, Veiga Filho, Marrey Jr e Quiroga Advogados.

Mercado - 01.10 das 11h às 12h - Robson de Oliveira

Robson de Oliveira é advogado do Escritório Demarest Advogados, vencedor do Chambers Diversity & Inclusion Awards 2019, na categoria Future Leader – Minority Lawyers, co-fundador e membro do Comitê D Raízes do Demarest Advogados, da Comissão de Igualdade Racial da OAB/SP e do Fórum de Prevenção e Combate à Discriminação Racial no Trabalho do Ministério Público do Trabalho – MPT/SP, Coordenador do Projeto Incluir Direito, autor de artigos publicados.

Tecnologia 01.10 das 19h às 20h - Raphaella Martins Antonio

Mais de 15 anos de experiência em Publicidade e Comunicação com um histórico comprovado de trabalho na indústria de marketing e publicidade. Hábil em Gestão de Comunicação de Marca / Produto / Serviço, Estratégia Integrada (Digital, Performance, Conteúdo, PR, Garantias). Forte profissional de comunicação com bacharelado com foco em Marketing pela Escola Superior de Propaganda e Marketing.

Ciência - 30.09.2020 - 19h às 20h - Rita de Cássia dos Anjos

Possui graduação em Física Biológica pela Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho (2007) e mestrado (2009) e doutorado (2014) em Física pela Universidade de São Paulo, São Carlos. Desde agosto de 2014 é professora doutora da Universidade Federal do Paraná no Setor Palotina. Trabalha na área de astrofísica de partículas, com foco em física de raios cósmicos de altíssimas energias nos Observatórios Pierre Auger e Cherenkov Telescope Array – CTA.

Indústria Química - 01.10 das 16h às 17h - Sandra Lia Simon

Procuradora-Geral do Trabalho (biênios 2003-2005 e 2005-2007)

Conselheira Nacional do CNMP – Conselho Nacional do Ministério Público (biênio 2009-2011). Diretora-Geral Adjunta ESMPU – Escola Superior do Ministério Público da União (biênio 2016-2018). Vice-Presidente da ANPT – Associação Nacional dos Procuradores do Trabalho (biênio 2000-2002). Vice-Gerente Projeto Estratégico Empregabilidade LGBTIQ+ / Ministério Público do Trabalho.

Mercado - 01.10 das 11h às 12h - Theo Van Der Loo

Membro do Conselho Consultivo. Orador público. Líder experiente. Educação e orientação internacional. Mais de 40 anos de experiência em gestão farmacêutica e marketing no Brasil, Espanha e região da América Latina. Ocupando cargos de Gerência Geral, em países, desde 2002.

Mercado - 01.10 das 11h às 12h - Valdirene Falcão

Graduação Direito pela Universidade de Brasília em (1992). Mestre em Direito do Estado pela Universidade de São Paulo, em virtude da dissertação: O papel do princípio da Dignidade da Pessoa Humana na Constituição de 1988 (2006). Doutora pela Universidade de São Paulo (2017) em virtude da tese: O papel do Conselho Nacional de Justiça no Estado democrático de direito

Ane Farias_1

Formada em Psicologia, especialista em Semiótica Psicanalítica, com MBAs em Gestão empresarial e Engenharia de Produtos e Serviços.
Carreira 15 anos no RH.
Atualmente, Gerente de Gente e Gestão na B2W Digital

Mãe de duas crianças incríveis, casada com seu melhor amigo, leonina e apaixonada por Gent

ALINE ALVES FÉLIX_1

Aline Alves Felix é Psicóloga, com especialização em Psicologia Social e das Organizações, além de MBA Executivo em Marketing.

Executiva de Recursos Humanos, atua na área há mais de 13 anos, tendo passado por empresas nacionais e multinacionais, de diferentes segmentos e complexidades, liderando temas de Cultura e Desenvolvimento Organizacional, Desenvolvimento de Lideranças, Change Management e Inovação, Inclusão & Diversidade.

Atualmente, é a Head América Latina de Cultura, Experiência do Colaborador e Marca Empregadora para o grupo Natura&Co – composto pelas marcas Avon, Natura, Aesop e The Body Shop.

CARREIRA EM DEBATE

Acacio Sidinei Almeida Santos 1

Possui graduação (1990)
e mestrado (1996) em Ciências Sociais pela Pontifícia Universidade Católica de
São Paulo(PUC/SP), doutorado (2004) em Sociologia pela Universidade de São
Paulo (USP/SP) e Pós-doutorado (2006-2007) pela Faculdade de Saúde Pública / USP.
Foi bolsista CAPES (programa doutorado Sanduíche no exterior) na Université de
Cocody (Côte d´Ivoire). Presidente do Conselho Deliberativo da Casa das
Áfricas; membro fundador do SSIM – Southern Spaces in Mouvement; pesquisador
associado ao Grupo de Antropologia da Comunicação da Université Félix
Houphouët-Boigny (Côte d´Ivoire); pesquisador do grupo de pesquisa
“Processos migratórios e saúde: perspectivas interdisciplinares” –
FCMSCSP. Foi professor da PUC/SP, da FACAMP (Relações Internacionais) e dos cursos
de especialização (UNIAFRO) na UFU – Universidade Federal de Uberlândia, UFMG –
Universidade Federal de Minas Gerais e UFPR – Universidade Federal do Paraná.
Tem experiência nas áreas de Antropologia, Sociologia, Relações Internacionais
e História; atuando principalmente nos seguintes temas: África, Etnologia das
Sociedades Africanas, História da África, História da Costa do Marfim, Relações
Internacionais, Migração, Saúde, HIV/AIDS e Direito Costumeiro. Desde 1999
desenvolve trabalho de campo na Costa do Marfim (África do Oeste).

Aline Mariano 1

No momento estou Doutoranda em Educação – UFSCar – São Carlos/SP. Mestre em Educação pelo Centro Universitário Moura Lacerda – Ribeirão Preto/SP, possuo graduação em Pedagogia pelo CENTRO UNIVERSITÁRIO DO NORTE PAULISTA (2005). Especialização pela UFF – Universidade Federal Fluminense em PIGEAD Planejamento, Implementação e Gestão da Educação a Distância. Quanto a área profissional, trabalho na atividade de Supervisão da Área de Conteúdos Didático-Pedagógicos no Centro de Integração Empresa-Escola – CIEE/SP, criando, produzindo e gestando conteúdos educacionais na modalidade EAD e presencial, tanto para os jovens que nos procuram, em sistema de gratuidade, quanto conteúdos para a Universidade Corporativa da Instituição. Associada à ABED – Associação Brasileira de Educação a Distância. Membro convidada do Comitê do Programa de Diversidade do CIEE de 2019 e do Comitê Consultivo da Diversidade em 2020. Também desenvolvo atividades como docente do ensino superior no curso de Pedagogia da UNILAGO – União das Faculdades dos Grandes Lagos. Já atuei como docente do ensino superior em cursos de graduação e pós-graduação de Pedagogia e Enfermagem na Faculdade FACERES. Desenvolvi atividades como professora de educação básica – SESI/SP SERVIÇO SOCIAL DA INDUSTRIA alfabetizando jovens e adultos. Área de concentração de estudos e interesses em História da Educação, Políticas Públicas Educacionais, Ciclo de Políticas, Legislação Brasileira, Didática, Educação à Distância, Educação de Pessoas Jovens e Formação de Professores. Participo e desenvolvo ações de voluntariado desde 2013, com atuações na área da assistência social.

Aline Nascimento 1

Historiadora. Mestra em Relações Étnico-Raciais na área de políticas públicas pelo CEFET/RJ, representante discente (2017-2018) do programa de mestrado e bolsista CAPES. Pesquisadora na área de Patrimônio Cultural, Memória Negra, Raça, Letramentos de Reexistência, Políticas Públicas e Baixada Fluminense. Coautora dos livros “Nas sombras da diáspora: patrimônio e cultura afro-brasileira na Baixada Fluminense” (2013/INEPAC/RJ) e “ACHADOUROS: 400 anos de devoção da 1612-2012” (2012/CRPH-DC). Atuou com gerenciamento de arquivo e pesquisa no Museu Vivo do São Bento e no Centro de Referência Patrimonial e Histórico de Duque de Caxias, com formação em Preservação e Conservação de Acervos Permanentes pela Biblioteca Nacional. É membro da Associação de Professores-Pesquisadores de História da Baixada Fluminense. Gerenciou a formação do Centro de Memória da faculdade FABEL. Professora-Monitora do curso de extensão “Ser Diferente, Ser Igual: bullying e violência, preconceito e discriminação” da UFRJ/2018.

Bruna Seibert 1

HR professional, with 11 years of experience. In my educational background, I have a Bachelor degree in Advertising, Masters and PhD in Consumer Behavior studies.
People and communication are my passions and career drivers, since I started in Advertising until migrates to HR.
The result: huge experience with talent acquisition, learning and development, project management and employer branding. 

Camila Fernandes 1

Profissional com experiências nas áreas de Recursos Humanos e Comunicação. Pós Graduada em Gestão Estratégica de Pessoas e Psicologia Organizacional e Bacharel em Administração de Empresas com ênfase em Marketing. 

Carolina Utimura 1

Relações públicas pela Unesp, onde pude participar de diversas organizações estudantis. Local que influenciou a decisão de iniciar o meu primeiro negócio.

Pude me encontrar no Movimento Empresa Júnior, onde me dediquei por quase 4 anos, onde pude servir como Presidente Executiva e Vice-Presidente de Comunicação da Brasil Júnior (Confederação Brasileira de Empresas Juniores) em 2017.

Há 5 anos, atuando na pauta de juventude, pude ser Conselheira Fundadora do Pacto da Juventude pelos ODS e Delegada brasileira no Youth20 Summit, que reuniu um homem e uma mulher com menos de 30 anos dos países do G20 para submeter recomendações para os governantes.

Na Eureca desde 2018, investida do Grupo Anga, consultoria que conecta a juventude com as organizações, após liderar a área de Vendas e de Operações, sirvo como CEO. Seja através do seu potencial como força de trabalho ou poder de consumo, criamos experiências em seleção, marca empregadora, desenvolvimento e marketing para mais de 51 milhões de jovens brasileiros. 

Claudia Isabele Rocha 1

Busco soluções institucionais para desafios assistenciais, com foco no processo de transversalização nas perspectivas étnico-racial e de gênero. 

Denise Neves Abade 1

Professora-doutora na Faculdade de Direito da Universidade Presbiteriana Mackenzie. Doutora em Direito pela Universidad de Valladolid (2010, Espanha, título reconhecido pela UFPE), Mestre em Direito Processual pela Universidade de São Paulo (2002), com graduação na Faculdade de Direito da Universidade de São Paulo (1992). Membro do Ministério Público Federal desde 1996, atuando coo Procuradora Regional da República desde 2005

Diana Camara 1

Atuo há 12 anos na área de Recursos Humanos, em empresas de grande porte, como Especialista em Educação Corporativa e Desenvolvimento Humano, atuando diretamente em Treinamento e Desenvolvimento, Recrutamento & Seleção e Consultoria em Recursos Humanos, atendendo a todos os subsistemas de RH.

Desenvolvimento e facilitação de projetos, de Desenvolvimento Humano e Educação Corporativa, em empresas como Banco Real, Banco Santander, C&A, Banco IBI, Grupo Allianz, Petrobras, Qualylife, Rede Onodera, SENAC, SESI-SP/SENAI-SP e CIEE.

Experiência há mais de 10 anos no Segmento de Atendimento ao Cliente em Call Centers de Multinacionais, atuação direta nos Sub Segmentos de Varejo, Seguros, Imobiliário, Financeiro, Educação e Gestão de Pessoas.

Minha inspiração é provocar transformação nas pessoas, gerar mudanças positivas, afim de que alcancem resultados satisfatórios e aumento de performance.

Principais habilidades: comunicação, relacionamento interpessoal, trabalho em equipe, foco na solução de problemas, planejamento e condução de projetos. 

Eduardo Migliano 1

Formado em Comunicação pela ESPM-SP, aos 24 anos fundou a 99jobs.com, uma comunidade colaborativa online de carreira, que nasceu com a intenção de redesenhar a forma como as organizações e as pessoas se conectam baseado em suas crenças e valores.

Hoje mais de 6.000.000 pessoas já estão conectadas e mais de 3000 empresas em 5 países utilizam a 99jobs.com. Se a 99jobs.com fosse uma cidade, seria a 3ª mais populosa do Brasil. =) – set/20

Eleito pela Revista Época um dos 18 jovens no Brasil com menos de 30 anos que estão mudando a forma como pensamos. Fomos capa da revista falando sobre propósito no trabalho.

Eleito um dos empreendedores/ativistas que estão “reinventando o capitalismo injetando propósito nos negócios”. Sua história é contada no livro de Alexandre Teixeira, De Dentro Para Fora, um dos principais escritores especializados em Carreira e Cultura Organizacional no Brasil.

É professor convidado dos principais MBAs empresarias do País (FGV, IBMEC e FIA) nas cadeiras de Employer Branding / Digital Transformation e Specialist Speaker na Hyper Island Brasil e Digital House Brasil.

Eymi Rocha 1

Sou psicóloga (cognitivo-comportamental) clínica e na organização. Atualmente Analista Sr, coordenando os processos de Recrutamento e Seleção, de ponta a ponta.
Fazendo MBA em Gestão de Pessoas, com foco em Treinamento e desenvolvimento.

Felipe Oliveira 1

Formado em Comércio Exterior pela Universidade Mackenzie, com pós graduação em Políticas e Relações Internacionais pela FESPSP e especialização em Programa de Desenvolvimento de Dirigentes do 3o setor pela Fundação Dom Cabral.
Nos últimos 10 anos desenvolveu iniciativas focadas na geração de networking e fomento de negócios entre executivos C-Level, representantes de empresas TOP 500, segundo ranking do Valor Econômico. Atualmente representa o ID_BR em São Paulo, ampliando o acesso do instituto às empresas do maior centro de negócios da América Latina.
É casado e pai de um casal de filhos, além de ser apaixonado por antigomobilismo, esportes a motor e cultura geek e gosta de escrever sobre os desafios da paternidade, relações humanas e mercado de trabalho!  

George roque Braga Oliveira 1

Doutorando em Educação pela Universidade Federal da Bahia. UFBA, Mestre em Desenvolvimento e Gestão Social. UFBA; Especialista em Inovação, Sustentabilidade e Gestão de Organizações do Terceiro Setor. Unijorge; Graduado em Ciências Econômicas. UFBA. Trabalha e tem interesses nas seguintes áreas: Educação e Relações Raciais, Economia e Gestão Social, Aprendizagem organizacional, planejamento, elaboração, gestão e avaliação de programas e projetos sociais e educacionais; mobilização de recursos, desenvolvimento institucional; antirracismo e direitos humanos; ações afirmativas na educação. Gestor Administrativo do Instituto Steve Biko (Salvador-Bahia). Já foi professor da Faculdade Montessoriano.

Julia Gomes 1

Eu gosto é de gente diferente reunida e criando soluções para mudar a si, as organizações e o mundo! Sou engajada no tema de Diversidade e Inclusão, em projetos sociais ou institucionais que fortaleçam discussões e avanços no tripé gênero, raça e classe.
No tempo livre cuido de plantinhas, mudo de cabelo e faço trabalhos manuais escutando um bom samba! 

Larissa Borges 1

Ex Subsecretária Estadual de Políticas Públicas para as Mulheres no Governo do Estado de Minas Gerais de 2015 a 2019. Doutoranda em Psicologia – Departamento de Pós-graduação em Psicologia da UFMG. Moderadora de Processos Grupais e Mestre em Psicologia Social pela Universidade Federal de Minas Gerais, na linha de Pesquisa Identidade e Política (2013) na ocasião foi bolsista CNPQ, orientada pela Professora Dra. Claudia Mayorga Borges. Graduada em Psicologia pela Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais (2009). Atua como palestrante em diversos temas. Membro do Núcleo de Pesquisa, Ensino e Extensão Conexões de Saberes. Exerceu a função de Coordenadora de Articulação do projeto de pesquisa e extensão Nacional Juventude Viva – Claves/ Fiocruz e compoz a equipe de Coordenação do Plano Juventude Viva na Secretaria Nacional de Juventude/ Presidência da República (2012/ 2015). Foi membro do Núcleo de Psicologia Política da UFMG (FAFICH/NEPECS) de 2009 à 2012 e da Comissão de Direitos Humanos do CRP/MG de 2010 à 2012. Em 2011 foi professora Tutora no Curso Gestão de Políticas Públicas de Gênero e Raça/ UFMG (Aperfeiçoamento). Nos anos de 2011 e 2012 foi Tutora do Programa Afirmação na Pós Graduação, que é um O Curso de Formação Pré-Acadêmica promovido por convenio entre UFMG e UEMG em parceria com o CEFET e tem como financiadores a Fundação Ford e a Fundação Carlos Chagas. Em 2012 foi Professora Tutora no Curso Juventude Brasileira e Ensino Médio Inovador, realizado pelo Observatório da Juventude (FAE/UFMG) em parceria com o Observatório Jovem (UFF). Tem experiência nas áreas de Direitos Humanos, políticas públicas de juventude, Políticas de Promoção da Igualdade Racial, Relações de Gênero, Feminismo, ações afirmativas, movimentos sociais, favela, Hip Hop, Funk, educação, implementação da Lei 10.639, prevenção à violência, psicologia social e comunitária, psicologia social do racismo, psicologia jurídica, psicanálise, saúde mental e psicomotricidade.

Leizer Pereira 1

Minha missão é promover a diversidade como alavanca para inovação, eficiência, sustentabilidade e melhor performance nos negócios. Por meio da Comunidade Empodera, formo novas lideranças, identifico e desenvolvo novos talentos jovens com diversidade.

Lilene Ruy 1

Psicóloga com Extensão em Gestão da Diversidade, Pós Graduação em Administração de Empresas, com experiência de 20 anos na atuação com os Programas de Estágio e Aprendizagem. Nos últimos anos com foco em Diversidade e Inclusão, frente aos pilares de Pessoa com Deficiência, Gerações, LGBTQI+, Raça-Etnia e Mulheres.

Membro da Coordenação Fórum de Prevenção e Combate à Discriminação Racial no Trabalho no MPT, Membro do Comitê Diversidade CIEE, Facilitadora ABRH (Grupo Jovens Talentos 2017-2018 e Grupo Inclusão e Diversidade 2019 ).

Marjorie Damasco 1

Engenheira por formação e comunicadora por paixão, trabalhando com marketing desenvolvi um grande amor por eventos, performance e comunidades e criando produtos me apaixonei por Experiência de Usuário e por metodologias ágeis – que são incríveis mesmo quando aplicadas à times de negócios. No meio de tudo isso, constatei que cultura e estratégia andam juntas e que os recursos humanos são de fato os melhores recursos.

Patricia Santos 1

Profissional de Recursos Humanos desde julho de 2000. Formada em Pedagogia com pós-graduação em Gestão de Pessoas e MBA em Administração, sou fundadora da EmpregueAfro, a principal consultoria de RH do país focada em diversidade étnico-racial.
Minha carreira foi ascendente de estagiária à supervisora de RH em pequenas e médias empresas por 12 anos. E desde de 2013 minha dedicação é integral à minha empresa, que considero, além da minha missão de vida, um negócio de alto impacto social para diminuição das desigualdades raciais no mercado de trabalho.
Já atuei como professora no SENAC/SP por 8 anos nas competências de Recrutamento e Seleção, Liderança, Técnicas de Desenvolvimento Profissional para turmas de cursos livres, técnicos e graduação.
Sou mãe de 4 filhos e, desde 2017 faço parte do time de especialistas do programa “Encontro com Fátima Bernardes” da TV Globo. 

Profa. Dra. Joana Angélica Guimarães da Luz 1

Possui graduação em Geologia pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul (1991), mestrado em Geoquímica e Meio Ambiente pela Universidade Federal da Bahia (1996) é Ph.D. em Environmental Resources Engineering And Forestry pela Cornell University, New York (2003). Atualmente é Professora Associada da Universidade Federal do Sul da Bahia, onde ocupa o cargo de Vice Reitora Está vinculada à Pós-Graduação em Ciências Ambientais, com ênfase em Recursos Hídricos em Meio Ambiente, onde orienta alunos de mestrado e doutorado. Tem experiência na área de Recursos Hídricos e Meio Ambiente, com ênfase em água subterrânea.

Luz é a primeira mulher negra eleita reitora de uma universidade federal. Empossada há pouco mais de um ano, ela teme não conseguir sequer concluir a construção dos campi da universidade, inaugurada em 2014. São três: Itabuna, Porto Seguro e Teixeira de Freitas. Todos em obras. Todas, paradas.

Luz nasceu nos arredores de Itabuna. Filha de trabalhadores rurais, ela migrou do nordeste ao sul do país para estudar: primeiro, fez graduação em geologia na Universidade Federal do Rio Grande do Sul, seguida pelo mestrado na Universidade Federal da Bahia e pelo doutorado na Cornell University, em Nova York. A partir de 2012, participou ativamente da construção do projeto político-pedagógico da UFSB, declaradamente pautado por ideias de intelectuais como Anísio Teixeira, Milton Santos e o temido Paulo Freire. Segundo Luz, a UFSB foi idealizada como uma universidade de inclusão: a jovem federal abriga 4,5 mil alunos de graduação e pós-graduação – cerca de 80% deles de famílias de baixa renda.

Sofia Esteves 1

Apaixonada pelo Brasil, por pessoas e boas causas. Sei que não consigo mudar o mundo, mas tenho certeza que com minhas atitudes e ações posso mudar o meu entorno. Acreditar é o primeiro passo para conseguir. Eu tenho feito isso e você? 

Suelen Marcolino 1

Apaixonada por desenvolver relacionamentos, no LinkedIn, ajudo empresas a transformarem o modo como contratam.

Se quiser saber mais sobre como transformar a sua organização através de nossas soluções corporativas para recrutamento, entre em contato comigo, será um prazer ajudá-l@! 

Tiago Mavichian 1

Pos Graduated in Strategic People Management by Mackenzie. Graduate in Business Administration in Escola de Comércio Álvares Penteado FECAP. I was professor for two years of Fapcom in business and entrepreneurship. Currently works on the planning and coordination of talent attraction programs for companies such as Amazon, Twitter, Corteva, Scania, Microsoft, Dow, Clariant and others. CEO of Companhia de Estágios | PPM Human Resources.

Specialties: development of attracting young talent programs, projects for talent development, management programs and talent assessment. 

LILIANE ROCHA - CARREIRA EM DEBATE_2

Liliane Rocha é Fundadora e CEO da Gestão Kairós – Consultoria de Diversidade e Sustentabilidade, autora do livro “Como ser um Líder Inclusivo” que cunhou o conceito “Lavagem da Diversidade” e Executiva com 15 anos de experiência em grandes empresas. Consultora Consultiva do CEO’s Legacy, Conselheira de Diversidade da AmBev e Colunista da Época Negócios, na coluna Diversifique-se. Reconhecida como uma das 101 lideranças globais de Diversidade, pelo 101 Top Global Diversity and Inclusion Leaders no 3rd e 4th Diversity & Inclusion Excellence Awards, em 2019 e 2020

SOBRE O MOVIMENTO

O Movimento Afro Presença surgiu através do Projeto Nacional de Inclusão de Jovens Negras e Negros Universitários no Mercado de Trabalho, promovido pelo Ministério Público do Trabalho. O Afro Presença tem como objetivo prevenir e combater a discriminação racial nas relações de trabalho e valorizar a diversidade racial nos espaços empresariais, de modo a reduzir as desigualdades raciais no campo econômico e, consequentemente no social, político e cultural. Em 2020, o Pacto Global da ONU foi envolvido no Afro Presença para trabalhar a redução das desigualdades no setor privado, através do ODS 10.

Uma das estratégias do projeto é o Pacto pela Inclusão Social de Jovens Negras e Negros Universitários no Mercado de Trabalho, que tem como objetivo fortalecer as ações voltadas à população negra, buscando ampliar a sua inserção e ascensão ao mercado de trabalho. As instituições que aderem ao Pacto passam a fazer parte da rede de inclusão constituída por entidades dos movimentos negros, empresas, associações de classe, universidades, organizações nacionais e internacionais.
Para saber mais sobre o Pacto, clique aqui!
Para saber mais sobre a norma técnica de inclusão  clique aqui!

OUTRAS CONVERSAS

Além de nos reunirmos nesse encontro online, já temos conversado sobre isso em outros momentos, trazendo pautas importantes sobre o tema igualdade racial.

Fórum contra o racismo 
Diversidade Racial
Consultorias de RH

Fórum contra o racismo 
Diversidade Racial Direito

Festival da Criação 
Assinatura do Pacto de Inclusão
Agências de Publicidade. 

IDEALIZAÇÃO / COORDENAÇÃO

1 - mpt

REALIZAÇÃO

1 - pacto

PARCEIROS

ORGANISMOS NACIONAIS / INTERNACIONAIS

APOIADORES

vivo

MOVIMENTOS SOCIAIS

PARCEIROS

PARCEIROS DE MÍDIA

VIRAÇÃO - PARCEIROS DE MÍDIA_1

PLATAFORMA OFICIAL DO EVENTO

COMUNICAÇÃO / PRODUÇÃO DE CONTEÚDO

QUEM FAZ O AFRO PRESENÇA

COORDENAÇÃO GERAL

Valdirene de Assis
MPTSP

COORDENAÇÃO EXECUTIVA

Marcelo Linguitte
Pacto Global

COORDENAÇÃO EXECUTIVA

Otavio Toledo
Pacto Global

COORDENAÇÃO GERAL

Valdirene de Assis
MPTSP

COORDENAÇÃO EXECUTIVA

Marcelo Linguitte
Pacto Global

COORDENAÇÃO EXECUTIVA

Otavio Toledo
Pacto Global

COORDENAÇÃO ACADÊMICA

Elisabete Pinto
UFBA

Marcus Bomfim
FECAP

Pedro Aguerre
PUCSP

Elisabete Pinto
UFBA

Marcus Bomfim
FECAP

Pedro Aguerre
PUCSP

COMISSÃO DE EMPRESAS DE GESTÃO DE PESSOAS

Ana Ramos
Cia de Talentos

Bruna Siebert
99jobs

Celisa Campos
EmpregueAfro

Ana Ramos
Cia de Talentos

Bruna Siebert
99jobs

Celisa Campos
EmpregueAfro

Leizer Pereira
Empodera

Lilene Ruy
CIEE

Patricia Santos
Empregue Afro

Leizer Pereira
Empodera

Lilene Ruy
CIEE

Patricia Santos
Empregue Afro

Paula Sales
99jobs

Liliane Rocha
Gestão Kairós

Paula Sales
99jobs

Liliane Rocha
Gestão Kairós

COMISSÃO DE COMUNICAÇÃO

Adriano Santos
Badu Consultoria

Cris Bartis
Mamilos

Fabio Okubaru
Ideal H+K

Adriano Santos
Badu Consultoria

Cris Bartis
Mamilos

Fabio Okubaru
Ideal H+K

Hiago Vinícius
Mamilos

Janaína Assumpção
Pacto Global

Janaina Petrone Martins
Y&R

Hiago Vinícius
Mamilos

Janaína Assumpção
Pacto Global

Janaina Petrone Martins
Y&R

Jeferson Martins
Y&R

Juliana Arcanjo
Pacto Global

Kaio Freitas
Badu Consultoria

Jeferson Martins
Y&R

Juliana Arcanjo
Pacto Global

Kaio Freitas
Badu Consultoria

Luiz Fernando Garcia
Y&R

Olívia Souza
Pacto Global

Rodrigo Fernandes
Badu Consultoria

Luiz Fernando Garcia
Y&R

Olívia Souza
Pacto Global

Rodrigo Fernandes
Badu Consultoria

Rubens Bernardes
MKWebb 

Rubens Bernardes
MKWebb